Paula Morelenbaum com Bossarenova Trio em Portugal

Paula Morelenbaum e o Bossarenova Trio vêm a Portugal. Segundo o “New York Times”, a cantora traz nas suas melodias a bossa nova fina de outras épocas.

 

Ela regressa para fazer a revisão da matéria, agora no seio do Bossarenova Trio. A cantora alinha ao lado do pianista Ralph Schmid e do trompetista Joo Kraus, num espectáculo ainda embalado pela celebração dos 50 anos da bossa nova.

 

 

Paula Morelenbaum, cantora de referência da bossa nova, que dá voz a este trio transatlântico, tem percorrido o mundo inteiro liderando inúmeros projectos musicais dos quais se destacam o Quarteto Jobim / Morelenbaum e o Trio Morelenbaum 2 / Sakamoto, ambos com o seu marido Jaques Morelenbaum. Iniciou a sua carreira cantando ao lado do Maestro António Carlos Jobim, tendo construído também um sólido percurso em nome próprio, com vários discos editados e premiados.

 

 

 Formado em 2009, a propósito das comemorações dos 50 anos de Bossa Nova, este trio é, ainda, constituído por dois músicos Alemães de excepção que têm marcado o panorama musical das últimas décadas: o conceituado pianista de formação clássica Ralf Schmid, que colaborou com Ivan Lins, Eliane Elias, Diane Warwick, Natalie Cole, Herbie Hancock; e o muito premiado Joo Kraus, considerado um dos melhores trompetistas do jazz europeu.

 

 

O cd “Samba Prelúdio” é bastante apreciado pela crítica.

 

 

A música brasileira é o ponto de partida, mas a rota do repertório pode espalhar-se por tantos estilos quantos os países que, por estes dias, compõem a agenda de Paula.

 

 

A digressão nacional dos Bossarenova Trio, projecto liderado por Paula Morelenbaum, vai passar também por Coimbra, dia 31 de Março, num concerto integrado nas “Quintas do Conservatório”, no Auditório do Conservatório de Música. O itinerário soma agora quatro concertos, com a estreia absoluta em Portugal a decorrer em Lisboa, dia 29 de Março, no pequeno auditório do Centro Cultural de Belém, seguindo-se Coimbra, Vila Nova de Famalicão, onde actuam na Casa das Artes, dia 1 de Abril, e Ponta Delgada onde terminam a digressão no Teatro Micaelense, dia 2 de Abril.