Depois de Così fan tutte e Don Giovanni, o Ateliê de Ópera da Metropolitana traz-nos, em 2016, As Bodas de Fígaro. Um espectáculo que sobe a palco no Fórum Luísa Todi a 19 de Fevereiro pelas 20:00

 

Completa-se assim o conjunto  das três colaborações de  Mozart com o libretista Lorenzo da Ponte. Sempre com direção cénica e vocal do barítono Jorge Vaz de Carvalho e direção musical do maestro Pedro Amaral, a OML, o Coro de Câmara Lisboa Cantat e os jovens cantores participantes no ateliê interpretam esta divertida e subtil refle- xão sobre os sentimentos e relações humanas.

 

 

A história desenvolve-se  entre  casamentos  adiados  e  atrações  enganosas. Fígaro  e  Susana preparam-se para casar, mas o Conde de Almaviva, para quem ambos trabalham, pretende exercer o seu «direito de senhor» – o privilégio de tomar o lugar do noivo na noite de núpcias dos  seus  criados! 

 

 

Entretanto, o  sinistro  Dr.  Bartolo  odeia  Fígaro.  A  sua  gover- nanta, Marcelina, deseja casar-se com este último. E como se não bastasse, o pajem Cherubino, um adolescente namoradeiro, está apaixonado pela condessa, mas é assediado por Barbarina, a filha do jardineiro. As peripécias e os mal-entendidos sucedem-se até ao final  (… feliz, claro está!).

 

 

Opera buffa em 4 atos | Ateliê de Ópera da Metropolitana 2015/16

Orquestra Metropolitana de Lisboa | Coro de Câmara Lisboa Cantat

Maestro do Coro: Jorge Carvalho Alves; Cantores: Ateliê de Ópera da Metropolitana;

Direcção cénica e vocal: Jorge Vaz de Carvalho; Direção musical: Pedro Amaral

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6805 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador