Quinta-feira, Maio 13, 2021

Coimbra 2027: Cidade apresenta candidatura com espectáculo musical

É um evento físico, sem público presencial, com componente virtual imposta pelo atual contexto de pandemia, que será transmitido nas redes sociais da autarquia e de Coimbra 2027 para todo o mundo. Na próxima quarta-feira, dia 14 de abril, às 19h00, Coimbra apresenta a sua candidatura a Capital Europeia da Cultura 2027, num evento transmitido em direto a partir do Convento São Francisco, que esta semana celebra cinco anos da sua abertura ao público como centro cultural e de congressos de excelência. O momento visa apresentar as linhas gerais da candidatura, bem como os destaques da programação cultural de Coimbra para o segundo trimestre de 2021, depois de o plano de desconfinamento do Governo prever a reabertura dos equipamentos culturais a partir de 19 de abril.

A Manuel Machado, presidente da C.M. Coimbra, Carina Gomes, vereadora da Cultura e Turismo, e Luís de Matos, coordenador do Grupo de Trabalho da candidatura, juntam-se as vozes e a energia de Marisa Liz (acompanhada por Tiago Pais Dias), Aurea, Pedro Abrunhosa e André Sardet, além do grupo de fados conimbricense àCapella. Parte dos artistas estará no Convento, outros nos seus próprios estúdios, em ligação direta. Durante a emissão será apresentada a imagem oficial da candidatura, que venceu o concurso público lançado pela Câmara de Coimbra, bem como um vídeo de promoção da candidatura.

Este evento surge dias após a votação por unanimidade do “Pacto de Cidade” – documento agregador do compromisso inequívoco sobre a vontade, capacidade e determinação em torno da candidatura de Coimbra a CEC2027 –, elaborado pelo Grupo de Trabalho, com os contributos das instituições culturais da cidade, apresentado no Conselho Municipal de Cultura e aprovado na Câmara e na Assembleia Municipal. Refira-se que o Grupo de Trabalho recebeu, ainda, um voto de louvor, que simboliza a relação de proximidade e cooperação entre a autarquia, as entidades e personalidades locais e o Grupo de Trabalho e que marcará o percurso da candidatura de Coimbra a Capital Europeia da Cultura.

Na ocasião, o presidente da Câmara de Coimbra, Manuel Machado, salientou que este é um “desafio para beneficiar a cidade e o país”, que a candidatura tem um “espírito de abertura e de congregação” e que interessa sobretudo “o que fica e não apenas um evento efémero”. O autarca destacou, ainda, as realizações do Grupo de Trabalho da candidatura, coordenado pelo mágico Luís de Matos, agradecendo, em nome do município, tudo o que têm feito. Já Luís de Matos vê nesta aprovação política “um sinal de grande afirmação de Coimbra, que a abrirá ainda mais, e ao longo dos próximos meses, ao país e à Europa, numa caminhada que é, ela própria, uma prova da capacidade e envolvimento de todos dos conimbricenses”. 

Avatar
Redacçãohttp://www.infocul.pt
Redacção oficial do site infocul.pt

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

23,970FãsCurtir
154SeguidoresSeguir
89InscritosInscrever