Estreia no próximo dia 21 de Janeiro no Teatro Turim, em Lisboa, a peça “Animais” com texto e encenação a cargo de Filipe Salgueiro.

 

Num elenco em que pontificam os actores: Filipe Salgueiro, Elia González, Pedro Rodil e Susana Rodrigues, “Animais” estará no Teatro Turim nos dias 22, 23, 24, 28, 29, 30 e 31 de Janeiro com espectáculos de quinta a sábado peãs 21:30 e aos domingos pelas 17:00.

Na nota de imprensa podemos ler relativamente a esta peça que “numa altura em que a nossa sociedade virou a verdadeira Selva urbana, os verdadeiros #ANIMAIS andam pelas ruas, verdadeiros Macacos e Macacas citadinos que se misturam por entre Cobras de língua afiada e Zebras todas fashion com a mania que são gente… E aquele vizinho que mais parece um Hipopótamo de ceroulas casado com a Papagaia do 3ºdireito? Ou a boazona da Gazela do 1ºesquerdo… Diz lá que não lhe ferravas já o dente… Eu tinha cuidado com o Cavalo do namorado dela!!!”.

Confuso… Pois calculo… é natural… Exacto Natural mas de Natureza tem muito pouco, nesta violenta Selva urbana nem o Gey Leão se escapa… Sim Gey Leão não é erro ortográfico… É Gey mesmo… Disto Tudo… Tem um Juba linda… Alguém disse uma vez “Vamos fazer amigos entre os Animais que amigos destes não são demais na Vida…” estava a ser irônico! Nesta Selva não se fazem amigos…” acrescenta a mesma nota.

Dai que “Sejam bem-vindos há ARCA DE NÃO É…NÃO, não é a Arca de Noé, mas a sim Arca de NÃO É… Confuso? Sim é verdade… Eu explico…Parece uma Cabra… Mas não é… Parece uma Vaca… Mas não é…Parece um Veado, uma girafa, um elefante… Malandro… é Grande… Mas não é…

Portanto “Eles não são ANIMAIS… Mas parecem…Eles estão cá todos… Só faltas cá tu meu grande ANIMAL!”

Será caso para dizer, bem-vindos a selva…

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.