Álvaro Covões e tauromaquia no Campo Pequeno: “Há obrigações contratuais”

Arquivo/Infocul

 

O Campo Pequeno tem sido um dos temas da actualidade, pelo seu processo de venda. Álvaro Covões, dado como novo gestor do espaço, falou ao Infocul sobre este processo.

À margem da apresentação da Exposição de Harry Potter, no Pavilhão de Portugal, começou por dizer que “é um processo que ainda não está concluído”.

Acrescentou que “o processo ainda não está encerrado. Foi lançado o concurso, fomos à fase final. Estamos lá”, esclarecendo que “os processos só terminam quando se faz a escritura”.

Questionado se a escritura tinha já sido, ou não, assinada, foi sucinto: “Ainda não, ainda não foi anunciado nada”.

Já sobre a continuidade da tauromaquia nesta sala, caso venha a ser gestor do espaço, explicou que “ainda não terminámos. Temos de ver os contratos. Não podemos esquecer uma coisa, aquilo que são as chamadas praça de touros são contratos de concessões às misericórdias e Casa Pia, e portanto há obrigações contratuais. Quando terminarem as negociações, podemos responder”.

 

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6432 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.