“Amália e os Média – um ensaio” abre na nova galeria de exposições da Fundação Portuguesa das Comunicações

A exposição “Amália e os Média – um ensaio” abre ao público no dia 18 de setembro de 2020, na nova galeria de exposições da Fundação Portuguesa das Comunicações, em Lisboa.

A mostra, organizada em parceria pela Fundação Amália Rodrigues, pela Fundação Portuguesa das Comunicações e pela Valentim de Carvalho pode ser visitada até ao dia 7 de dezembro.

Este ensaio de exposição pretende narrar a importância dos média no percurso artístico de Amália. Os visitantes poderão testemunhar a evolução dos meios de gravação da voz de Amália Rodrigues e conhecer a tecnologia que serviu e permitiu difundir pelo mundo inteiro a intérprete conhecida como “A Voz de Portugal”.

Desenvolvida em diversos “atos”, este work in progress expositivo inicia-se com uma assemblage de recortes de jornais, no sentido de mostrar ao público a dimensão de Amália na imprensa (nacional e internacional); equipamentos utilizados nas gravações de estúdio por Amália, aparelhos audiovisuais, fotografias, edições discográficas (incluindo alguns inéditos); cartazes de espetáculos de Amália; entre outros.

“Amália e os Média – um ensaio” integra a programação do centenário do nascimento de Amália Rodrigues e conta com o Alto Patrocínio do Presidente da República.

Estão asseguradas todas as condições de segurança sanitárias e normas emanadas da Direção-Geral de Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.