“Bolero” estreia no Cartaxo

Cartaz Bolero Net

 

20 anos após ter estreado no Centro Cultural de Belém, “Bolero”, de José Carretas e Manuel Cintra, estreia no dia 05 de Maio no Cartaxo. Este texto transporta-nos para a Lisboa dos anos 50, um local que já não existe, e as personagens que a habitavam nos encontros de uma cidade povoada de sombras. Esta é a próxima estreia da Área de Serviço no Centro Cultural do Cartaxo em Maio.

 

 

A 20ª produção da Área de Serviço tem encenação de Frederico Corado (que na primeira encenação esteve presente com a intenção de realizar um documentário é agora leva a sua própria versão a palco) e pode ser vista nos dias 05,06,12 e 13 de Maio, sempre pelas 21:30. No dia 07 de Maio a actuação acontece pelas 16:00.

 

 

No Portugal dos anos 50, dominado pelo medo e pela opressão pré 25 de Abril, Cesário hesita entre cumprir o serviço militar obrigatório ou arriscar a fuga para um exílio forçado. No dia em que não pode adiar mais a decisão, Cesário, desde o café da manhã até ao último copo da noite, com os amigos, vai-se cruzando com as personagens que, de um modo ou de outro, fazem parte da sua vida e da sua Lisboa. 

 

 

A cada encontro, Cesário vai ficando mais indeciso: o medo de uma guerra que mata a razão ou o medo de um exílio que mata o coração? Entre dois medos, qual escolher? E será que Cesário ainda vai a tempo de escolher, ou o medo já escolheu por ele?

 

 

Do elenco deste espectáculo fazem parte, entre outros, nomes como: Gabriel Silva, Vânia Calado ou André Diogo.A música original é de Fernando Mota. “Bolero” é um texto carregado de força, poesia e História.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.