Cem Soldos Apresentação Bons Sons 11

O melhor da música portuguesa volta à aldeia de Cem Soldos. O Bons Sons 2017 acontece de 11 a 14 de Agosto e terá 40 actuações divididas por oito palcos, dedicados a programas distintos, com feira de artesãos, exposições de arte, espaço para crianças, comida tradicional e outras actividades que animam as ruas desta pacata aldeia que vai escutar sonoridades que vão do fado ao indie-rock, do acústico ao electrónico, do rural ao urbano, das influências tradicionais às contemporâneas. A recepção ao festivaleiro será feita por Inês Lamim.

 

 

O cartaz do Bons Sons espelha a diversidade da música portuguesa e tem como destaques nomes como: Rodrigo Leão, que vai apresentar um novo concerto no palco Lopes Graça, em nome próprio; os Orelha Negra, que actuam pela primeira vez no Bons Sons (palco Eira); passados 25 anos sobre a edição de “Mutantes S21”, os Mão Morta apresentam um concerto de celebração desse álbum (pode ser visto no palco Eira); os Capitão Fausto vão levar canções orelhudas entre o rock e a pop, dando espaço, no registo mais recente, aos metais e aos instrumentos de sopro (podem ser vistos no palco Eira); Samuel Úria vai cantar temas que compõe o seu mais recente disco “Carga de Ombro”, editado em 2016 (pode ser visto no palco Eira); Paulo Bragança (ícone irreverente do fado que pode ser visto no palco Lopes Graça); os Virgem Suta trazem o som contemporâneo e singular das raízes portuguesas ao palco Lopes Graça; Frankie Chavez chega de guitarra em punho e assume o conceito “one man band” e que pode ser visto no palco Lopes Graça; Né Ladeiras traz um novo disco e um novo espectáculo para apresentar no Bons Sons (palco Lopes Graça) e a dupla Pedro Lucas e Carlos Medeiros (palco Lopes Graça).

 

 

Fazem ainda parte do cartaz do Bons Sons 2017: Glockenwise (palco Eira), Throes+The Shine (palco Eira), Holy Nothing (palco Lopes Graça), The Poppers (palco Eira), Thunder & Co (palco Aguardela), Manuel Fúria (palco Tarde ao Sol), Señoritas (palco Giacometti), Octa Push (palco Eira), Whales (palco Giacometti), Filipe Sambado (palco Giacometti), Captain Boy (palco Giacometti), Marco Luz (palco Giacometti), Surma (palco Giacometti), LST (palco Tarde ao Sol), Joana Barra Vaz (palco Giacometti), Valter Lobo (palco Giacometti), Sonoscopia (palco Tarde ao Sol), Les Saint Armand (palco Tarde ao Sol), Sampladélicos (palco MPAGDP), Ana Jezabel e António Torres (Auditório), Lander&Jonas (Auditório), Carlota Lagido (Auditório), Band’olim (palco MPAGDP), Lucía Vives + João Raposo (palco MPAGDP), Moços da Vila (palco MPAGDP), Sanct’Irene (palco MPAGDP), Singular Lugar (palco MPAGDP), Filipe Valentim (palco MPAGDP), Moçoilas (palco MPAGDP), Rodrigo Affreixo (palco Aguardela), Txiga, Celeste/Mariposa (palco Aguardela), Groove Alvation, Zé Nuno, Sam U, Beatdizorder (palco Aguardela) e Inês Lamim.

 

 

Os passes para os quatro dias do Bons Sons custam 40€ (45 no recinto) e o bilhete diário tem um custo de 20€ (22 no recinto).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.