Carnide homenageou António Torrado em momento dedicado ao Dia Mundial do Teatro

arrowarrow


Numa comemoração antecipada do Dia Mundial do Teatro, a Junta de Freguesia de Carnide homenageou o escritor António Torrado com a colocação de uma cadeira no jardim do Largo das Pimenteiras, uma exposição sobre a vida e obra do escritor na Casa do Coreto, onde decorreu também a representação de uma peça acerca de António Torrado produzida pela Tenda e Lua Cheia.

 

Nascido em Atenas, o teatro viu em 1961 o Instituto Internacional do Teatro da UNESCO criar o Dia Mundial do Teatro. Desde essa data várias são as actividades a nível global que comemoram a efeméride. Portugal não é excepção. Na freguesia de Carnide em Lisboa a cultura tem um peso enorme sendo muitos os movimentos e correntes culturais que criam uma dinâmica muito própria nesta freguesia.

 

 

Este ano e numa antecipação ao Dia Mundial do Teatro, por motivos de agenda, decorreu este sábado uma homenagem ao escritor António Torrado. Pouco passava das 17:00 quando foi desvendada a cadeira no jardim do Largo das Pimenteiras em sua homenagem (tal como em anos anteriores aconteceu com outras personalidades), da autoria de José Barros, seguindo-se uma exposição sobre a vida e obra do escritor na Casa do Coreto, onde decorreu também a representação de uma peça acerca de António Torrado produzida pela Tenda e Lua Cheia.

 

 

António Torrado nasceu a 21 de Novembro de 1939 na cidade de Lisboa, filho de pais naturais da Beira Baixa. Licenciado em filosofia pela Universidade de Coimbra, a sua obra é vasta e de reconhecido valor. Viajando desde a literatura infantil (onde é reconhecido como um dos melhores de sempre), a escrita tradicional e popular, mas também com meritório trabalho na poesia. Escrevendo várias peças representadas em palco, António Torrado nunca escondeu o enorme amor que tem pelo teatro.

 

 

O presidente da Junta de Freguesia de Carnide fez questão de intitular esta homenagem como um “momento” e não uma “cerimónia” durante o evento no Largo das Pimenteiras. Em entrevista ao Infocul.pt revelou que a rede de cultura de Carnide (na qual é decidido o homenageado em cada ano e em que é realizado um trabalho de desenvolvimento cultural na freguesia), é constituída “por um conjunto de parceiros, forças vivas culturais da freguesia, e é numa base de discussão colectiva mensal” que tem como objectivo “criar trabalho, criar sinergias, partilhar recursos, haver uma programação integrada” pois “muitos municípios e freguesias têm muitas coisas a acontecer ao mesmo tempo e quando há articulação isto é mais simples tentando que não se coincida”.

 

Na cerimónia no Largo das Pimenteiras houve lugar aos habituais discursos, destacando-se o do escultor José Barros e o de António Torrado. O escultor explicou a obra concebida destacando-se na mesma o facto de ser totalmente construída em inox, de numa das pernas estar suportada em livros (representando toda a obra de Torrado), no topo ter uma coroa e na parte traseira da cadeira constar uma torneira e uma hélice.

 

 

O homenageado do dia (ou melhor escrevendo, deste ano) começou por elogiar a gestão da junta de freguesia, destacando o apoio da mesma aos grupos mais carenciados, considerando-se “o melhor dramaturgo do meu prédio” numa readaptação de uma frase de Varela Silva e culminando a sua intervenção dizendo que o “grande homenageado é o teatro”.

 

 

No Largo das Pimenteiras houve ainda lugar a um momento extraordinário interpretado por Carla Chambel. Baseada na obra de Torrado, a actriz interpretou um excerto de uma das peças escritas pelo artista e cantou. O seu talento é por todos reconhecido e provou-o mais uma vez.

 

 

Em entrevista ao Infocul.pt a actriz destacou o “privilégio” de interpretar Torrado, porque “nos textos dele é tudo tão simples mas ao mesmo tempo eficaz e mágico ou seja ele consegue comunicar as histórias com uma alegria e leveza, mas com mensagens bonitas e o melhor dos homens”.

 

 

Finda a primeira parte da homenagem os presentes foram convidados a ir até à Casa do Coreto onde está patente uma exposição da vida e obra do escritor. Muitas fotografias, excertos de reportagens, livros. Um mundo onde a imaginação se perde, a alma se renova e o conhecimento aumenta.

 

 

A tarde terminou com a estreia do espectáculo de teatro “ToZé Amigo”, uma co-produção da Lua Cheia e da Tenda Produções. Num texto assinado por Hélder Gamboa baseado na obra e vida de António Torrado, foi emocionante ver um grupo de seniores representarem tão bem. O amor e entrega com que subiram a palco levou-nos a viajar pelo Mundo de Torrado, pela sua genialidade, pelos seus amores, pelos seus medos. Pela sua história, uma história que continuará por certo a ser escrita em páginas de ouro. Para quem não assistiu a este espectáculo poderá vê-lo nos dias 26 de Março e 02 de Abril, às 19:00 e às 22:00. Os bilhetes custam cinco euros.

 

 

Fábio Sousa foi ainda por nós questionado sobre a politica de proximidade promovida na freguesia, revelando que “a participação dá muito trabalho mas de facto nós acreditamos mesmo que tomamos melhores decisões quando envolvemos as pessoas. Em que se oiça as pessoas, os seus representantes culturais, desportivos. Faz-nos sentido que não seja a Junta de Freguesia a impor isto ou aquilo, mas que seja uma decisão colectiva com vários nomes em cima da mesa e muita pesquisa”.

 

 

Recordamos que a 24 de Abril Carnide terá um concerto que dará inicio às comemorações do 25 de Abril, a cargo de Viviane no Largo do Coreto.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6436 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.