Casino Lisboa recebe exposição Indian Motorcycle

O Casino Lisboa inaugura, na próxima Segunda-Feira, 22 de Outubro, pelas 19:30, a exposição Indian Motorcycle. O público poderá observar vários modelos emblemáticos da mítica marca norte-americana. A entrada é gratuita.

Organizada pelo Casino Lisboa e pela Indian Motorcycle Lisboa, esta original exposição reúne alguns dos mais carismáticos modelos que marcaram diferentes épocas da história da marca norte-americana. Fundada em 1901, em Springfield, Massachusetts, a Indian Motorcycle é a mais antiga fabricante de motociclos nos Estados Unidos.

Os visitantes do Casino Lisboa poderão, assim, observar os seguintes modelos:

– Chief Vintage, Icone da marca Indian na versão Vintage.

– Roadmaster Elite, Touring com equipamento Premium de versão limitada a 400 unidades para todo o mundo, detalhes adornados a ouro de 24 K. Única na Península Ibérica.

– Scout Bobber,  Scout com look Bobber, minimalista, arrojada e agressiva.

– Scout Sixty, Entrada de gama da Indian, utilizada no poço da morte.

– Chief Dark Horse,  O lado mais negro da versão Classic.

– Chief Classic, Charme, Elegância, Qualidade, Potencia e Conforto desde 1922 para os dias de hoje.

– Springfield Dark Horse, O seu nome é uma homenagem à cidade onde foram fabricadas as primeiras

Indian “Springfield” conforto e condução fazem deste modelo uma Cruser de excelencia

– Chieftain Dark Horse; Bagger de reconhecido design icónico. A melhor ciclística combinando potência e design.

 – Scout 1932; adquirida pelo avô do actual proprietário (João Nogueira) em 1932, pertenceu sempre à família. Encontra-se, nos dias de hoje, a circular em perfeitas condições.

 

 

 

 

Historia da Indian Motorcycle

1900 – Nasce a Primeira Motorizada

Nasce o Primeiro Fabricante de Motos Americano. Em 1901, o fabricante de bicicletas, promotor de corridas e antigo campeão de ciclismo George Hendee, contratou Oscar Hedstrom para construir motos a gasolina, fazendo evoluir assim o desporto de duas rodas. A máquina que ele criou provou ser tão potente e fiável, que granjeou uma reputação inesperada, conotando a marca a excelentes desempenhos. Naquele ano, foi inaugurada a primeira fábrica da empresa, no centro de Springfield. A primeira moto da Indian Motorcycle foi vendida ao público em 1902, e mais tarde, uma Indian venceu a prova de resistência que ligou Boston a Nova Iorque, na sua estreia absoluta em corridas públicas. Os pilotos passaram a vencer sucessivas corridas, estabelecendo novos recordes.

Em 1906, nasceu a primeira moto de competição de fábrica com motor de dois cilindros em V. Uma versão deste motor de competição passou para produção e venda ao público em 1907, equipando os modelos desse ano com o motor de 39”, com 633 cc, dois cilindros em V a 42º. Foi o primeiro motor em V de série a ser produzido na América.

1920 – Início da Lenda. É apresentada a Indian Motorcycle Company. O início da década de 1920 foi importante na ascensão da Indian Motorcycle. Foram apresentadas ao público várias motos, que rapidamente se tornaram icónicas. Em 1920, foi apresentada a primeira Indian Scout. Esta rápida, fiável e ágil moto, foi a responsável por atrair tantos motociclistas na época. À Scout seguiu-se a Chief (1922), a “best-seller” Big Chief® (1923), a Prince® (1925), e, após a compra da empresa Ace Motor Company, a Ace® (1927).

1940 – Um Mundo em Guerra. A Indian Motorcycle Presta Serviço ao seu País. Entre 1940 e 1945, a Indian Motorcycle centrou todos os esforços em dar o seu contributo na causa dos Aliados na 2ª Guerra Mundial, primeiro a fabricar motos para o Governo Francês e, a partir de 1941, começou a produzir o modelo 841 para o Exército Americano. Durante este período, muito poucas unidades foram fabricadas para os consumidores.

1970 – O Fim de uma Era. A Morte de Duas Lendas. O lendário piloto, importador, concessionário, editor, promotor de corridas, autor e fabricante de motos Floyd Clymer estava a trabalhar de forma empenhada para ressuscitar a defunta Indian Motorcycle, desde 1963. Clymer morreu de ataque cardíaco em 1970 e o seu advogado, Alan Newman, adquiriu os direitos da Indian Motorcycle. Newman continuou a vender motos de pequena cilindrada, que carregavam o nome e carisma da Indian. Em 1970 as vendas sofreram um grande declínio e as operações cessam em 1977.

Anos 90 – A Marca Renasce. A Lenda começa a regressar aos seus tempos de Glória. Em 1998, iniciou-se a produção de modelos exclusivos da Indian Motorcycle. Uma fusão entre nove empresas deu origem à Indian Motorcycle Company of America (IMCA), deu origem a uma nova unidade de produção em Gilroy, Califórnia. Aqui foram produzidos modelos como as Chief, Scout, e Spirit equipadas com motores fornecidos pela empresa S&S Cycle, Inc.

2000: Um Futuro incerto. Tempos complicados para o Primeiro Fabricante de Motos Americano® Em 2003, a Indian Motorcycle Company of America entra em falência e encerra a produção. O futuro do primeiro fabricante de motos americano era incerto. As coisas começaram a mudar para a Indian Motorcycle em 2008, quando a Stellican Ltd., uma empresa de capital privado, sediada em Londres, comprou os activos da Indian Motorcycle e abriu uma nova fábrica em Kings Mountain, Carolina do Norte. Começaram por produzir um número muito modesto das Indian Chief com motor em V de 105”, entre 2008 e 2011. Em 2011, a Stellican vendeu a Indian Motorcycle à Polaris Industries.

Em 2010 a lenda renasceu. A Indian Motorcycle® Regressou, Melhor e Mais Forte que nunca. Regista-se o início de uma década plena de desenvolvimento e crescimento para a Indian Motorcycle. Destacam-se diversas inovações tecnológicas, parcerias de grande valor e através de uma vasta gama de modelos, com estilo genuíno e autêntico Indian. Em 2011, a Polaris Industries anunciou a compra da Indian Motorcycle e, em 2013, Indian Motorcycle apresentou, pela primeira vez, o seu novo e poderoso motor de dois cilindros em V Thunder Stroke® de 111”. Em 2014,o Motorcycle.com elegeu a Indian ® Chief ®  como a cruiser do ano de 2014, com menções honrosas para a Chief ® Classic e a Chief Vintage e, no ano seguinte, a Indian Motorcycle apresentou a Chief Dark Horse ® e a Scout ® Sixty. Posteriormente, a Indian Motorcycle acelerou a sua jornada histórica através do regresso à competição profissional de Flat Track, com a estreia pública da ® Scout ® FTR750.

Em 2017, a Indian Motorcycle apresentou a Scout ® Bobber. O piloto Jared Mees, da equipa Indian Wrecking Crew, venceu o campeonato americano de Flat Track, no regresso da marca à competição passados mais de 60 anos. Já este ano, a Indian Motorcycle apresentou a nova  FTR1200.

A exposição Indian Motorcycles estará patente ao público no Casino Lisboa, de 22 de Outubro a 4 de Novembro, entre as 15:00 e as 03:00, excepto às Sextas-Feiras, aos Sábados e Vésperas de Feriado, cujo horário será das 16:00 às 04:00.

Por imperativo legal, o acesso aos espaços do Casino Lisboa é reservado a maiores de 18 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.