Cave Story, Fugly e Baleia Baleia Baleia em mais um Super Nova

 

 

 

São três dos nomes mais interessantes da nova geração de bandas rock nacionais aqueles que vão alimentar a quarta edição da Super Nova, o circuito itinerante de concertos que, com o apoio da Super Bock, têm criado condições para a circulação de bandas em território nacional.

 

 

 

Entre Setembro e Dezembro, Cave Story, Fugly e Baleia Baleia Baleia tocam em seis salas nacionais, no primeiro circuito a cruzar atlântico rumo aos Açores. O arranque, como é hábito, será dado no Maus Hábitos, já a 28 deste mês, com um programa que integra ainda conversas em torno dos temas mais actuais da indústria da música. Seguem-se, o Arco 8 em Ponta Delgada, o Club de Vila Real, o Carmo 81 em Viseu, o Salão Brazil em Coimbra e o Stereogun em Leiria. Os bilhetes, esses, custam 3 euros com oferta duas Super Bock, à excepção do Maus Hábitos, onde a entrada é livre.

 

 

Está de regresso com novidades o quarteto das Caldas. Punk Academics,assim se chama o novo tomo na música de perdurável entusiasmo que fazem estes Cave Story. Estudo de caso sobre a influência sem preconceito, da libertação física dos Black Flag, ludicidade dos Minutemen, ou a contemplação que nunca se perde de vista dos Television. Our Band Could be Your Life, Your Band Sucks, Perfect Youth, I Dreamed I Was a Very Clean Tramp, tudo isto manuais que se podem requisitar na biblioteca desta academia. O concerto no Porto será um dos primeiros na tour de lançamento do disco.

 

 

São um dos mais finos exemplos do garage rock nacional. De Morning After, o primeiro EP, a Millennial Shit, o disco de estreia, estes FUGLY traçam, em seu torno, uma rota pelo caos e da excentricidade frenética do noise e do garage. Rodeados pela geração do emprego precário, dos estágios intermináveis, da abstenção política, dos direitos dos animais, do vegetarianismo e demais temas fracturantes, cantam sobre o romance jovem, as noites loucas e espalhafatosas em que tudo de mau e bom acontece, porque a juventude, aqui, ainda tem espaço para ser “inconsequente”.

 

 

Nascidos no seio da Zigur e formados por Manuel Molarinho (baixo e voz) e Ricardo Cabral (bateria), os Baleia Baleia Baleia são um daqueles casos em que apetece dizer que o todo é maior do que a soma das partes. É difícil não devorar de um trago o seu disco de estreia e de de nos deixarmos levar pelas letras, melodias e refrões pegajosos dos temas que o compõem. Trocado por miúdos, o mesmo é dizer que os Baleia Baleia Baleia não estão para brincadeiras e prometem festa a rodos com o seu punk-rock dançável e sempre mordaz.

 

 

O pontapé de arranque para este Super Nova #4 é dado no Maus Hábitos, casa-mãe do festival, a 28 de Setembro, com mais uma edição das conversas de bastidores. Para esta edição recebemos Tiago Castro (SBSR.FM), Henrique Amaro (Antena 3), Luís Fernandes (GNRation), Afonso Lima (ZigurFest) e Luís Masquete (Killimanjaro, GrETUA).

 

 

À quarta edição, o circuito Super Nova volta a assumir o compromisso com a criação de um circuito de espectáculos ao vivo juntando bandas saídas da nova fornada da música nacional e palcos por todo o país. Contas feitas, ao longo das suas 3 edições, estiveram envolvidas 27 bandas, 13 salas, 72 concertos, do Minho ao Algarve, movimentaram mais de mais de 16 mil pessoas em torno da música, naquela que é uma das principais apostas da Super Bock na criação de espaços que dêem voz às bandas emergentes.

 

PROGRAMA:

28 de Setembro . Maus Hábitos, Porto

18:00 . Conversas de Bastidores com Tiago Castro (SBSR.FM), Henrique Amaro (Antena 3), Luís Fernandes (GNRation), Afonso Lima (ZigurFest) e Luís Masquete (Killimanjaro, GrETUA)

22:00 . Concertos

 

 

13 de Outubro, Arco Oito, Ponta Delgada, Açores

20 de Outubro, Club Vila Real, Vila Real

10 de Novembro, Carmo 81, Viseu

1 de Dezembro, Salão Brazil, Coimbra

8 de Dezembro, Stereogun, Leiria

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Notícia publicada a 14/09/2018


About the author /


Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

_