Comissão Informal de Artistas: Resposta a Carta Aberta do Primeiro-Ministro

Empty Stage --- Image by © William Whitehurst/CORBIS

Image by © William Whitehurst/CORBIS

 

 

A Comissão Informal de Artistas enviou hoje à nossa redacção uma resposta á Carta Aberta que o Primeiro-Ministro de Portugal, António Costa, tornou pública esta manhã. Transcrevemos, abaixo, na íntegra.

 

Em resposta à Carta Aberta que o Exmo. Sr. Primeiro-Ministro tornou pública esta manhã, a Comissão Informal de Artistas tem apenas a comunicar o seguinte: não obtivemos ainda qualquer resposta quanto ao nosso pedido de audiência com o Sr. Primeiro-Ministro, o qual vamos manter. Consideramos ainda que a resposta do Sr. Primeiro-Ministro parece não reconhecer um problema de fundo que transcende estes últimos concursos, o que reitera a necessidade de um diálogo que não pode ser feito apenas através dos meios de comunicação social.

 

Mais informamos que entretanto já subscreveram a nossa Carta Aberta mais de quatro centenas de estruturas e artistas de todo o país, num movimento que continua a crescer, o que demonstra a identificação de um conjunto muito significativo de entidades e indivíduos com a ideia de que é urgente um diálogo verdadeiro e profundo com o Estado.  

 

Comissão Informal de Artistas

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Notícia publicada a 05/04/2018


About the author /


Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

_