damas

 

No dia 30 de Junho, pelas 23:00, o Damas, em Lisboa, vai receber Damachine. Este conta com o concerto de Sequin, performance de “Apocalypse” de Aurora Pinho e DJ Set de DJ Haram do colectivo Discwoman.

 

 

Sequin traz a música de Ana Miró, que habita graciosamente aquele limbo entre a festa e a contemplação sob a forma de canções envoltas numa aura nostálgica mas com aquele chamamento e balanço físico da dança. Um Electrolux pop que alinha o rigor escandinavo com a pulsação dos trópicos que teve em “Eden”, lançado o ano passado pela Lovers & Lollypops, seguimento lógico iluminado a néon após a celebrada estreia com “Penélope”, editada em 2014. 

 

 

Aurora está em trânsito por entre o Porto e Lisboa e estreia-se no palco das Damas para apresentar o work in progress “Apocalypse”. Corpo em mutação que se reflecte num estado volátil por entre sons e batidas rasgadas e palavras que procuram uma existência para além do comum, numa demanda incessante pela multiplicidade do eu num espaço mental e físico em aberto e comunal.

 

 

O DJ Haram faz parte do colectivo/plataforma Discwoman (produtora queer com origem em New Jersey e residência actual em Filadélfia), cuja relevância e vitalidade têm sido absolutamente fundamentais para a criação de uma comunidade artística e social cada vez mais inclusiva, DJ Haram estreia-se em Portugal num acerto ideológico e humano com os princípios fundadores da própria residência do Damachine. 

 

 

Este evento é de entrada livre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.