eurosonic

 

O Eurosonic Noorderslag 2017, o maior showcase festival e feira profissional de música da Europa, tem início já na próxima semana. De 11 a 14 de Janeiro, a localidade de Groningen (norte da Holanda) vai receber esta edição que tem Portugal como country focus. A recepção à comitiva portuguesa vai acontecer no dia 12 de Janeiro, às 17:30, no Stadsschouwburg Groningen.

 

 

Esta acção pretende dar a conhecer aos mais de 4.500 profissionais do mundo da música que estão registados no Festival os delegados e artistas portugueses que fazem parte da comitiva de 2017, ano de foco em Portugal e na música feita no nosso país. O evento “Portugal Reception” tem como mote ” há algo para todos na nova música portuguesa” e pretende demonstrar a variedade de estilos e talento que existe no Portugal contemporâneo.

 

 

Assim, durante o evento, onde os convidados poderão falar e trocar impressões com mais de 50 delegados portugueses, a música estará a cargo do melhor que a indústria da música nacional tem para oferecer: desde novos talentos como a cantora e compositora Emmy Curl, passando por artistas mais experientes como The Gift, e terminando com o hip-hop/electrónica de Dj Ride com Stereossauro, dupla mais conhecida por Beatbombers e campeões do mundo de scratch. Ainda nesta recepção não poderá faltar o fado, aqui na voz de Gisela João, que abre o programa oficial de showcases Eurosonic no dia 12 de Janeiro.

 

 

A comitiva portuguesa é composta por: Papercutz, Beatbombers, Best Youth, DJ Firmeza, Dj Ride, Emmy Curl, First Breath After Coma, Gisela João, Glockenwise, Holy Nothing, Marta Ren & the Groovelvets, Memória de Peixe, Moonshiners, NEEV, Noiserv, Octa Push, Rodrigo Leão, Sam Alone and the Gravediggers, The Almost Perfect Dj, The Gift, The Happy Mess,Throes + The Shine e We Bless This Mess. Estes 23 artistas vão ser acompanhados pela WHY Portugal

 

 

O foco dedicado a Portugal, além dos artistas confirmados, é alargado à conferência profissional Eurosonic Noorderslag. Além da existência de um Portugal Lounge, com o apoio da AICEP Portugal, que pretende reunir os profissionais envolvidos nesta missão, funcionando como ponto de encontro para desenvolvimento de negócios e parcerias, a plataforma WHY Portugal irá apresentar, também, os seguintes painéis: “Why Portugal: Country Focus Painel” – Painel dedicado a Portugal como o local ideal para a criação e expansão de novos talentos no mundo da música ( com: David Ferreira, RTP; Pedro Coquenão, Batida; Márcio Laranjeira, Lovers & Lollypops e vai ser moderado por Rui Miguel Abreu) e “Why Portugal: Land of Festivals – Um painel focado na cultura dos Festivais de Música em Portugal. Num país com uma população de 11 milhões de habitantes, existem mais de 3 milhões de festivaleiros e 400 festivais de música. Um país rico em festivais de todos os tamanhos e géneros musicais ( com: Ricardo Bramão, APORFEST; Vanessa Careta, Música no Coração; José Eduardo Martins, Ritmos e vai ser moderado pelo jornalista do Público, Vitor Belanciano).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.