Fernando Heitor leva ‘Mário’ a cena e conta com interpretação de Flávio Gil

Fotografia de Fernando Heitor

 

 

A 8 de Agosto sobe a palco, na sala 2 do Cinema de São Jorge, em Lisboa, o espectáculo ‘Mário’, com interpretação de Flávio Gil, com texto e encenação de Fernando Heitor.

Este espectáculo parte de “uma história ficcionada a partir duma notícia do jornal O Público de 17 de Julho de 2007 assinada por São José Almeida, “O estado Novo dizia que não havia homossexuais, mas perseguia-os” – onde se aborda a “história” do bailarino Valentim de Barros”, revela Fernando Heitor.

O encenador e autor do texto acrescenta que “a única semelhança do Mário com o Valentim Barros é o facto de ambos terem sido bailarinos e internados no Hospital Miguel Bombarda para os “curarem da homossexualidade”, mas os seus percursos de vida foram muito diferentes”, explicando que “este texto foi-me encomendado pela São José Lapa que pretendia encená-lo com interpretação do Afonso Guerreiro – infelizmente não lhe foi possível, a falta de apoio da DGartes gorou as suas intenções. Agradeço imenso aos dois o convite que me fizeram, sem ele nunca teria pensado em escrever este texto. E só pensei encená-lo depois do entusiasmo mostrado pelo Flávio Gil ao lê-lo”.

Em palco estará Flávio Gil, que iniciou o seu percurso no teatro amador na colectividade “Os Combatentes, passando posteriormente pela Academia de Santo Amaro. Fez televisão, mas é no teatro que mais se tem destacado, integrando os elencos de “Reviver Hermínia Silva”, “Fado, História de um Povo”, “O Melhor de La Feria”, “A Minha Senhora” (monologo).

O Parque Mayer tem sido a ‘sua casa’ e nos últimos anos além de actor assumiu também a co-autoria e a encenação das 3 últimas revistas levadas a palco no Teatro Maria Vitória.

Parque Mayer’ é também o nome do filme que esteve recentemente nas salas de cinema e cujo elenco também integrou.

Fotografia de Tatão Amaral

 

Neste espectáculo, ‘Mário, conta ainda com Carlos Prado (responsável pelo movimento, postura e atitude do Mário enquanto bailarino), João Paulo Soares (director musical) e José Álvaro Correia (desenho de luz e fotografia).

O espectáculo contará com banda sonora e o personagem ‘Mário’ cantará em palco, além de toda a restante representação.

O espectáculo estará em cena até 1 de Setembro, às quintas, sextas e domingos, pelas 19:00, e sábados às 19:00 e 22:00.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6717 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.