Festival Internacional de Música de Évora está de regresso!

 

 

O Festival Internacional de Música de Évora FIMÉ está de volta para a segunda edição dedicada ao período do Renascimento e do Barroco (música antiga).

Entre 21 e 25 de Agosto acontecem nove concertos, protagonizados por 20 músicos, nacionais e estrangeiros, especialistas neste repertório, que tocam em instrumentos de época. A segunda edição deste festival está integrado na iniciativa Artes à Rua, organizada pelo Município de Évora.

O FIMÉ tem a direcção artística de João Moreira, tenor do Coro de Câmara na Holanda e na Holland Bach Society. O Festival tem como base uma residência artística de músicos, cantores e instrumentistas que durante uma semana ocupam vários espaços da cidade de Évora, ensaiando um repertório que resultará em ensaios abertos a todos e em nove concertos gratuitos em várias igrejas e palcos da cidade.

Nestes concertos são interpretadas obras de Vivaldi, Couperin, Bach e Música a Cappella da Escola da Sé de Évora. No dia 21, às 22:00 no Palco Principal do Artes à Rua poderá ser escutado o Gloria de Vivaldi, dia 22 às 00:00, na Igreja de São Vicente, as obras de Couperin para Cravo interpretadas pelo reputado cravista português Miguel Jaloto. Dia 23 às 19:00, na Igreja de São João Evangelista / Lóios, terá lugar um programa dedicado à música vocal da Sé de Évora (séc. XVI e XVII) e às obras de Lassus e Gesualdo por um grupo de oito cantores maioritariamente do Coro de Camara da Holanda. Dia 24 às 19:00, na Igreja da Misericórdia poderão ser escutadas as quatro Estações de Vivaldi tendo como solista o famoso violinista Russo Dmirty Smirnov. No dia 25 às 19:00, no Pátio da Casa de Burgos (Direcção Regional de Cultura do Alentejo) há uma tarde dedicada a J. S. Bach.

Ainda durante o Festival, nos dias 21, 22 e 23 às 17:00 poderão ser escutados os três grandes Órgãos históricos de Évora (Sé, Igreja de São Francisco e Igreja de Espírito Santo) respectivamente. Vão atuar no FIMÉ grandes nomes da música clássica da actualidade como Benny Aghassi (Fagote e Flauta de bisel), Dmitry Smirnov (Violino barroco), Diana Vinagre (Violoncelo barroco), Miguel Jaloto (Cravo), Mónica Monteiro (Soprano), Maria Valdmaa (Soprano), Åsa Olsson (meio-soprano), William Knight (Tenor) Matthew Baker (Barítono) e alguns músicos de Évora como Luis Marques (Oboé barroco) e a jovem e promissora Alice Rocha (Órgão).

O FIMÉ é uma produção para o Artes à Rua, com o apoio da Direcção Regional de Cultura do Alentejo e projecto em desenvolvimento do programa europeu Chebec da CIMAC e NERE.

Todo o programa pode ser consultado em http://fimevora.pt/

Programação Geral

Agosto

21 (Quarta-feira)

– 17:00 – Sé de Évora – Concerto de órgão pelo organista Sérgio Silva. Ciclo ”Os 3 grandes órgãos históricos de Évora”

– 22:00 – Praça do Giraldo – Concerto de Abertura do Festival. Programa: Gloria de Vivaldi.

22 (Quinta-feira)

– 17:00 – Igreja de São Francisco – Concerto de órgão pelo organista Sérgio Silva. Ciclo ”Os 3 grandes órgãos históricos de Évora”

– 00:00 – Igreja de São Vicente – Concerto de cravo pelo cravista Miguel Jalôto. Programa: Memento mori

23 (Sexta-feira)

– 17:00 – Igreja do Espirito Santo – Concerto de órgão pela organista Alice Rocha. Ciclo ”Os 3 grandes órgãos históricos de Évora”

– 19:00 – Igreja dos Lóios – Concerto dedicado à música vocal (a cappella) a 8 vozes. Programa: Diogo Dias Melgás, Estêvão L. Morago, Orlando di Lassus e Carlo Gesualdo.

24 (Sábado)

– 10:00 – Salsa Verde (restaurante) – Recital pelo flautista Benny Aghassi e cravista Miguel Jalôto, integrado na programação do “Café Memória” A música como terapia.

– 19:00 – Igreja da Misericórdia – Concerto “As 4 Estações”.

25 (Domingo)

– 19:00 – Pátio da Direcção Regional de Cultura do Alentejo – Concerto Final do FIMÉ 19. Programa: Bach no Festival.

Músicos envolvidos:

Mónica Monteiro, soprano

Maria Valdmaa, soprano

Åsa Olsson, mezzosprano

Elsbeth Gerritsen, mezzosoprano

William Knight, tenor

João Moreira, tenor

Matthew Baker, baixo

Kees Jan de Konning, baixo

Dima Smirnoff, violino

Raquel Cravino, violino

Maite Larburu, violino e viola

César Nogueira, viola

Diana Vinagre, violoncelo

Marta Vicente, contrabaixo

Benny Aghassi, fagote e flauta

Luis Marques, oboé

Bruno Fernandes, trompete

Miguel Jalôto, órgão e cravo

Sérgio Silva, órgão

Alice Rocha, órgão

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.