Festival Internacional de Música de Verão de Paços de Brandão apresenta a programação completa

A 39ª edição do Festival Internacional de Música de Verão de Paços de Brandão ( FIMUV),decorre de 7 de Maio a 24 de Junho e é dedicado aos Grandes Intérpretes.

 

A 7 de maio, o Grande Auditório do Europarque recebe o maestro Osvaldo Ferreira e Pavel Milyukov, violinista laureado no Concurso Tchaikovsky, que tocará a solo na estreia da Orquestra Euro-atlântica, orquestra criada com raízes no Concelho, espelhando o que de melhor se tem formado musicalmente na região e no nosso país ao longo das últimas décadas.

 

 

Sergey Redkin, pianista premiado no mesmo concurso, apresentar-se-á com a Orquestra da Escola Superior de Artes Aplicadas de Castelo Branco (ESART) sob a direcção do maestro Rui Pinheiro. O Festival teve a sua primeira edição em 1977. O Director Artístico é Augusto Trindade, um violinista da região. Augusto Trindade, desde 2013, que tem desenhado a programação do FIMUV, uma programação eclética e consistente que aposta nas sinergias institucionais.

 

 

Ano após ano, não é tarefa simples esboçar uma programação ambiciosa e de qualidade, que se enquadre nos limites orçamentais, que vá ao encontro dos interesses do público, que supere a edição anterior e de que nos possamos orgulhar por termos contribuído para a prosperidade cultural da região e do país“, conta Augusto Trindade, Director Artístico do FIMUV.

 

 

O espectáculo de encerramento conta com a fadista Cuca Roseta. “Na senda de edições anteriores, o FIMUV, para além da valorização pedagógica e dos nossos jovens, faz a sinergia da música erudita com outros géneros musicais, como a música ligeira e o fado“,é desta forma como o Director Artístico explica a ligação da música erudita com outros géneros, como o fado que vai estar presente no concerto de encerramento.

 

 

O Festival Internacional de Música de Verão de Paços de Brandão (FIMUV) é um projecto cultural, que visa promover uma cultura de qualidade, que potencializa a capacidade criativa local e nacional, e diversifica a oferta cultural, alargando-a aos diversos tipos de público. Aposta na difusão de projectos em diversas vertentes musicais, tais como a música erudita, ligeira, étnica, o jazz e o fado.

 

 

Nas últimas edições, 29.ª e 30.ª, em 2006 e 2007 respectivamente, foi Director Artístico do FIMUV o Maestro António Victorino d’Almeida.

 

 

Pelo FIMUV já passaram músicos, Orquestras e agrupamentos que pertencem à esfera artística nacional e internacional. Alguns destes artistas foram: Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, Orquestra Gulbenkian, Orquestra do Algarve, Orquestra de Câmara Portuguesa, Fundação Ópera Estúdio da Guimarães Capital Europeia da Cultura 2012, Opus Ensemble, Quarteto de Matosinhos, Camerata Nov’Arte, o percussionista Pedro Carneiro, pianistas Pedro Burmester e António Rosado, a soprano Sofia Escobar, maestros Osvaldo Ferreira e Rui Massena, a fadista Carminho, os irmãos Nuno e Henrique Feist, Simone de Oliveira, entre outros.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.