FIAR: Artes de Rua para apreciar em Palmela, durante três dias!

FIAR

 

 

 

O Festival FIAR volta à Vila de Palmela de 3 a 5 de agosto, numa co organização do FIAR – Centro de Artes de Rua de Palmela e da Câmara Municipal de Palmela. Em 2018, o FIAR celebra 20 anos, com uma programação rica e plural, distribuída por diferentes espaços, com produções convidadas e próprias, envolvendo artistas e criadores locais. A programação foi desenhada com base no teatro nómada, na política afectiva e na micropolítica. Dentro destes temas, serão ainda abordadas questões fundamentais da actualidade, como as alterações climáticas e as consequentes visões de sustentabilidade ecológica ou a consciência das realidades sociais precárias.

 

Por Palmela, passarão, nestes três dias, o Teatro Praga, o Teatro da Didascália ou a Companhia Erva Daninha, mas também os Bardoada, o Grupo Coral 1.º de Maio do Bairro Alentejano e a estreia de “(In)certaidade”, do Teatro “As Avozinhas”, que comemora este ano o seu vigésimo aniversário.

 

 

 

Programa

 

 

3 de Agosto

 

ABERTURA OFICIAL

20:00, Casa Mãe da Rota dos Vinhos

 

ANTES

De Pedro Penim

Teatro Praga

22:00, Cineteatro S. João

 

 

4 de Agosto

 

LARGADA DE POMBOS

Pela Associação Columbófila de Palmela

11:30, Rua Mouzinho de Albuquerque

 

ITINERÁRIO O QUE É PEQUENO É BELO

 

TAMBORES SINALEIROS

Bardoada Grupo do Sarrafo

Luci&Lola

 

LANÇAMENTO DA FLANZINE N.º 17, CINZAS

Com a presença do editor e convidados

17:00, Casa Mãe da Rota dos Vinhos

 

A MÚSICA ANDA NA RUA

Rini Luyks

Beco da Estrela, Columbófila de Palmela

 

ENSAIO SOBRE O BELO 

Interpretação e criação de Denise Lomelí (Monociclo)

Terraço do Mercado Municipal, Rua Mouzinho de Albuquerque

 

O FIO DA MEDUSA

De Leonor Keil

Estreia

Castelo de Palmela, Ruínas da Igreja de Santa Maria

 

O SEQUESTRO

Texto e dramaturgia de Bruno Humberto e Rui de Almeida Paiva

Estreia

Paragem de autocarro no Largo de S. João (sessões: sábado, às 19:30 e 00:00, domingo, às 19:30)

 

(IN)CERTAIDADE

FIAR, Centro de Artes de Rua – Teatro “As Avozinhas”

Estreia

21:00, Rua Serpa Pinto, n.º 31 (entrada pelo quintal)

 

POR OUTROS CAMINHOS

 

MAI MAIORES QU’ESSEI SERRAS

Teatro Feiticeiro do Norte, Madeira

21:00, Auditório da Biblioteca de Palmela, Largo de S. João

 

O VIGILANTE NOTURNO

Teatro da Didascália

22:00, Cineteatro S. João

 

 

5 de Agosto

 

ITINERÁRIO O QUE É PEQUENO É BELO

 

TAMBORES SINALEIROS

Com Bardoada Grupo do Sarrafo

Luci&Lola

 

COUVE ROSA MORANGO AMARELO

De Graça Ochoa

Estreia

Adega da Casa de Atalaia, Rua Heliodoro Salgado

 

QUARTO ESCURO

Um espetáculo de Inês Vaz, Mónica Calle e Mónica Garnel, a partir de um conceito de Mónica Calle

Antigo Quartel da GNR, Rua Heliodoro Salgado (entrada pelas traseiras)

 

ENTRE PEDRAS E FLORES

Música: Roni Szabo

Dança: Catarina Keil

Largo da Boavista

 

A TUA VOZ CHEGA AOS MEUS OUVIDOS COMO O CANTAR DOS PÁSSAROS

Grupo Coral 1.º de Maio do Bairro Alentejano

Luci&Lola

Pátio do Espaço Cidadão, Junta de Freguesia de Palmela, Rua Hermenegildo Capelo, n.º 58

 

I CAN’T SEE THE SEA

De Maurícia Neves

Estreia

Casa do Povo, Rua de Olivença

 

NÓS AQUI NESTE PASSINHO, VAMOS ATÉ O SOL RAIAR

De Michelle Moura e Sara Anjo, com oito performers

Brasil/ Portugal

Largo de S. João

 

ADRIANO JÁ NÃO MORA AQUI

De Rui Catalão, com Adriano Diouf

20:30, Adega da Casa de Atalaia, Rua Heliodoro Salgado

 

DAS CINZAS

FIAR, Centro de Artes de Rua de Palmela

Estreia

21:00, Parque Venâncio Ribeiro da Costa (entrada pela Rua Heliodoro Salgado, junto ao MOJU)

 

1.5o PONTO DE EQUILÍBRIO

Erva Daninha

22:00, Cineteatro S. João

 

ENCERRAMENTO

CONCERTO COM O GAJO

23:00, Anfiteatro do Parque Venâncio Ribeiro da Costa (entrada junto ao Culto Café)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.