jorge-palma

 

Jorge Palma sobe a palco no CCB a 28 e 29 de Novembro “Só”, ou melhor acompanhado ao piano para celebrar os 25 anos de edição de um dos mais importantes discos da música portuguesa.

 

 

A espera está a chegar ao fim. Segunda e terça-feira, dias 28 e 29, o Centro Cultural de Belém recebe os primeiros de seis concertos especiais de comemoração dos 25 anos da edição de “Só”, um dos discos mais importantes da música portuguesa” revela o comunicado de imprensa. 

 

 

O mesmo comunicado acrescenta que será “um espectáculo ímpar, especial e intimista, despido de todos os arranjos, à semelhança dos temas que fazem parte de “Só”. Em palco, Jorge Palma acompanhado somente pelo piano. Nada mais. Um verdadeiro reencontro com a essência do músico”.

 

 

No Alinhamento para o CCB, “além das mais emblemáticas canções de Jorge Palma, que 25 anos depois continuam a fazer parte do imaginário de várias gerações, como “Estrela do Mar”, “Frágil”, “Bairro do Amor”, “Terra dos Sonhos”, “Deixa-me Rir” ou “Só”, o músico e compositor vai ainda interpretar uma sonata de Beethoven, recordando a sua formação clássica” revela ainda a nota de imprensa. 

 

 

“O 25º aniversário da edição do meu álbum “Só” – piano e voz captados em simultâneo, composto por 15 canções interpretadas ao vivo em estúdio, como num recital mas sem público – serve de pretexto para estes espectáculos especiais, no mesmo formato, onde espero reencontrar o público que me tem acompanhado”, descreve Jorge Palma.

 

 

Editado em 1991, pela Polygram, “Só” foi agora reeditado com um novo formato em CD e também está disponível numa edição especial em vinil. 

 

 

Aos concertos no CCB, seguem-se mais duas datas na Casa da Música, no Porto, dias 1 e 3 de Dezembro; no Convento São Francisco, em Coimbra, dia 6; e no Teatro das Figuras, em Faro, dia 10.  

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6702 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.