José Geadas: “o Fado está em Lisboa embora haja grandes intérpretes em todo o país”

 

 

 

José Geadas subiu ontem ao palco da Sociedade Boa União, no festival Santa Casa Alfama, e no final do espectáculo em entrevista ao Infocul falou sobre a importância de ali ter actuado e também projectando o que pensa fazer em termos de carreira.

 

 

Para mim é um orgulho, verdade seja dita que eu canto fado desde criança tal como a Beatriz, aliás nos começámos praticamente na mesma altura, só que a minha oportunidade de vir para Lisboa, ao coração do fado, é sempre mais reduzida do que quem vive cá e ser chamado para um festival de fado em Lisboa para mim é um reconhecimento muito grande e um orgulho fazer parte deste festival”, começou por referir.

 

 

Sendo natural do Alentejo, foi questionado sobre as dificuldades de um fadista poder lá estabelecer-se tenho em conta os poucos locais, casas de fado, ali existentes, tendo José Geadas esclarecido que “a realidade é esta, nós temos mesmo que vir para Lisboa, o Fado está em Lisboa embora haja grandes intérpretes em todo o país, mas temos de vir para Lisboa e eu estou a terminar o curso superior de guitarra portuguesa este ano em Castelo Branco com o mestre Custódio Castelo e quando acabar o curso irei para Lisboa”.

 

José Geadas é apontado por alguns como uma das esperanças do fado. Sobre esta responsabilidade diz que “ou se nasce fadista ou não se nasce fadista e é uma grande responsabilidade. Eu comecei a cantar fado muito jovem, até era um bocado marginalizado pela malta da minha idade e malta jovem que dizia que o fado era para os velhos, mas o fado sempre foi o tipo de música com que me identifiquei e aprendi a crescer ouvindo os mais velhos”, rematou.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6751 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.