Júlio Resende em digressão pelos Estados Unidos da América

Júlio Resende parte na próxima semana para uma digressão de três concertos nos Estados Unidos, onde apresentará o seu Fado & Further, renovando a cada concerto o seu olhar sobre a obra de Amália Rodrigues e da canção portuguesa.

Depois de ter estado em Nova Iorque há precisamente um ano num concerto promovido pelo Arte Institute no Tribeca Cinemas, o pianista português volta a apresentar-se ao público norte-americano numa linguagem musical que viaja entre o Fado e o Jazz, como se viaja numa metáfora entre Alfama e o Harlem em Manhattan.

 

 

O primeiro concerto será em Washington no dia 23 de Junho, seguindo depois para Provincetown (Boston) para integrar a programação do Provincetown Portuguese Festival no dia 25.

 

 

Júlio Resende, galardoado com CHOC DISC 5 estrelas pela prestigiada revista CLASSICA FRANCE a propósito do seu disco Amália por Júlio Resende, encerrará esta sua passagem pelos Estados Unidos com um concerto no Museu de Newark a 30 de Junho, onde será o artista convidado para um concerto oferecido pelo Consulado Português de Newark no âmbito das comemorações do Dia da Independência.

 

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6719 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.