Mais de 200.000 pessoas, de três continentes, já aplaudiram Carmina Burana dos La Fura dels Baus. Um espectáculo exuberante que une a força da música de Carl Orff ao universo extravagante dos La Fura dels Baus. Um espectáculo com fortes quadros cénicos, capazes de transmitir toda a emoção poética dos textos que, apesar de terem mais de 800 anos, falam de desejo, e nos remetem à essência da espécie humana. A companhia catalã, com 35 anos de actividade, é conhecida pelos espectáculos imersivos, interactivos e estética muito próprias, reunindo milhares de fãs em todo o mundo.

Em palco estará um cilindro com cerca de 10 metros de diâmetro, coberto por um tule a envolver a orquestra e a funcionar como tela – onde as imagens serão projectadas ao ritmo da narrativa e acompanhadas por efeitos especiais e fragrâncias florais, transportando o público para um mundo de sensações vitais. Cantores pendurados em gruas ou submergidos em vinho, água, fogo, vindimas ao vivo e quedas de água fazem de Carmina Burana um espectáculo Fura dels Baus

Para Carlus Padrissa, membro fundador e director da companhia, Carmina Burana, de Carl Orff, é provavelmente a mais importante obra musical do século XX. Composta entre 1935 e 1936, tem por base 24 dos 300 poemas do códex Carmina Burana original datado do século XII/XIII, encontrado em 1803 na Baviera e actualmente à guarda da Biblioteca Estatal, em Munique. Escritos em latim, alemão e francês, estes poemas louvam a vida, enaltecem os prazeres carnais e o gozo da natureza humana, ao mesmo tempo que criticam e satirizam os costumes sociais e morais da época.

 

La Fura Dels Baus abrem sessão extra em Lisboa

20 e 21 Dezembro – Campo Pequeno (17:30 – novo horário dia 21 às 21:30)

28 Dezembro – Super Bock Arena Pav. Rosa Mota

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.