Lil Wayne

 

Em pleno inverno, alguns já só pensam no verão. E há pelo menos uma boa razão para isso: vem aí o 21º MEO Sudoeste. Para comemorar 20 anos de Festival, os convidados são de luxo. Martin Garrix, Jamiroquai e The Chainsmokers são alguns dos artistas já confirmados, mas há mais. No dia 4 de agosto o Palco MEO e pela primeira vez no nosso país conta com mais um nome imperdível: Lil Wayne.

 

 

O norte-americano Lil Wayne é um dos rappers mais relevantes dos últimos vinte anos da história da música. Assume-se como um dos protagonistas da melhor música internacional desde o êxito dos Hot Boys em 1997, grupo do qual também faziam parte os rappers Juvenile, BG e Turk. Depressa chegou ao primeiro milhão de vendas nos EUA, com álbum a solo “Tha Block Is Hot” – na altura tinha apenas 16 anos… No entanto, o grande sucesso artístico surge um pouco mais tarde, com a sequela “The Carter”. “The Carter III” é, aliás, um dos discos mais aclamados da primeira década do século XXI – ganhou o Grammy para Melhor Álbum de Rap de 2008. Um disco cheio de clássicos instantâneos, que inclui o contagiante “Lollipop” com Static Major, mas também os singles “A Milli” e “Got Money”.

 

 

Mestre no marketing pessoal, Lil Wayne foi também um dos primeiros rappers de sucesso a explorar o formato mixtape. Na vanguarda, cedo percebeu que esse formato permite uma liberdade que os discos tradicionais não permitem. E liberdade sempre foi um adjetivo chave para descrever a música e a postura deste norte-americano. Até no rock já se aventurou, com o álbum “Rebirth” de 2010. Apesar dessas experiências, quando o assunto é produzir rap, os beats e as letras (sobre os habituais temas da cultura hip-hop) mantêm-se os protagonistas da arte de Lil Wayne.

 

 

Depois de ter editado “Free Weezy” em 2015, e da colaboração com 2 Chainz em 2016, este pode ser o ano do “The Carter V” ver a luz do dia. Esperado como um verdadeiro acontecimento no mundo do hip-hop, o disco preparado entre 2012 e 2014 tem sido adiado pelo músico e, como é evidente, a expectativa dos fãs e da crítica cresce de ano para ano. O 21º MEO Sudoeste pode ser, portanto, uma ótima ocasião para mais novidades… Para já a certeza é que no dia 4 de agosto, no Palco MEO, Lil Wayne traz o melhor hip-hop do mundo à Zambujeira do Mar.

 

 

XBus MSW 2017 já à venda

 

 

 

Para os festivaleiros tirarem o máximo partido do MEO Sudoeste, está já disponível, em parceria com a XTravel, o XBUS, a forma mais simples e segura para desfrutar da melhor semana de férias de verão. Com partida de todas as capitais de distrito o XBUS garante a partir de 140€ transporte e campismo em zona reservada com segurança 24 horas por dia, WCs próprios e ponto de carregamento de telemóveis exclusivo durante os 9 dias do Festival. Até dia 28 de fevereiro está disponível o EarlyPack que permite o pagamento do XBus em três prestações até ao dia 28 de abril.

 

 

 

Mais informações no site xtravel.pt e meosudoeste.pt.

 

 

Já confirmados para a 21ª edição:

 

 

2 de agosto

 

Palco MEO – The Chainsmokers

 

3 de agosto

 

Palco MEO – Two Door Cinema Club, Mishlawi

 

4 de agosto

 

Palco MEO – Martin Garrix, Lil Wayne

 

5 de agosto

 

Palco MEO – Jamiroquai

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6768 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.