Lisboa recebe Belém Art Fest durante dois dias

 

 

 

O Belém Art Fest, o Festival dos Museus à Noite, vai tomar de assalto os mais emblemáticos espaços da cidade nos dias 27 e 28 de Julho. Marcelo Camelo, Dengue Dengue Dengue e Conan Osiris são as primeiras confirmações para a 7.ª edição, que ao longo de dois dias vai unir a música, a arte e o património, numa perfeita simbiose.

 

Marcelo Camelo atua no dia 27 de Julho no Belém Art Fest, no incrível Claustro do Mosteiro dos Jerónimos. O carioca apresenta-se a solo, num concerto com voz e viola, passados cinco anos da última vez que subiu a solo em palco, mais concretamente no Teatro Tivoli, em Lisboa, no mesmo formato intimista, que ele faz funcionar tão bem.

 

Um dos músicos mais respeitados da actualidade da música brasileira, Marcelo Camelo atua depois das aventuras com Banda do Mar, e produções de discos, como o caso de “Vem” (2018), o último de Mallu Magalhães. Acompanhado de voz e viola, o autor de obras como “Nos/Sou” (2008) e “Toque Dela” (2011) recupera um repertório icónico, que passa não só pela sua carreira a solo, como também por composições icónicos dos Los Hermanos e até por temas conhecidos via Banda do Mar.

 

Foi precisamente em 2013 que apresentou o documentário “Mormaço” num ano que se regista a última apresentação a solo. A presença do compositor carioca no alinhamento do Belém Art Fest constitui um dos motivos mais inéditos e que suscita maior curiosidade no regresso a palco de Marcelo Camelo.

 

Ainda no dia 27, mas no Palco do Museu Berardo atuam Dengue Dengue Dengue. A dupla peruana de Tropical Bass, composta por Filipe Salmon e Rafael Pereira vai trazer directamente de Lima as suas experiências sonoras mergulhadas na Cumbia Digital, um projecto sempre em constante evolução, que explora ritmos e sons do mundo. Não é fácil atribuir um género específico ao duo, mas certo é que graças ao espectáculo visual que trazem e às muitas sonoridades envolvidas, o resultado só se pode traduzir em festa.

 

Dia 28 de Julho (sábado) é a vez de Conan Osiris se apresentar no Palco do Museu Berardo. Tiago Miranda, nome de berço do compositor e produtor, lançou recentemente o primeiro álbum de originais “Adoro Bolos”, um disco que recebeu fortes aplausos da crítica especializada e que agora será presenciado ao vivo com um concerto no Festival dos Museus à Noite. Uma experiência que promete ser memorável.

 

Belém, o mais importante eixo cultural da cidade, vai receber durante dois dias um cartaz de luxo com concertos únicos no Claustro do Mosteiro dos Jerónimos, Museu Colecção Berardo, Museu Nacional de Arqueologia, Picadeiro do Museu dos Coches e ainda no Jardim da Praça do Império. Junta-se a esta programação exposições, visitas guiadas nocturnas, street food e artesanato.

 

Esta iniciativa é uma produção da Amazing Adventure em parceria com a Everything is New, Direcção-Geral do Património Cultural, Museu Colecção Berardo, Câmara Municipal de Lisboa e Junta de Freguesia de Belém.

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Notícia publicada a 15/06/2018


About the author /


Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

_