Lisbon Film Orchestra deixou 5000 pessoas em êxtase com bandas sonoras de filmes e séries, no Campo Pequeno

Fotografia: João Vasco

 

Magistral! Imponente! Fortíssimo! O espectáculo da Lisbon Film Orchestra no Campo Pequeno, este domingo, foi arrebatador perante sala completamente esgotada!

 

 

A Lisbon Film Orchestra, liderada pelo maestro Nuno Sá, apresentou-se no Campo Pequeno para interpretar temas de grandes filmes e séries, ao mesmo tempo que numa tela gigante em palco passavam imagens representativas dessas séries e filmes.

 

 

Com aproximadamente 60 músicos em palco, a expectativa era grande até pelo facto de se anunciar que pela primeira vez ao vivo, em Portugal, seriam interpretados os temas da recém-vencedora série dramática dos Emmys 2018, “Guerra dos Tronos” e da série espanhola de grande sucesso “A Casa de Papel” do “My Life Is Going On”.

 

 

Quem acha que um espectáculo com uma orquestra é algo demasiado formal e protocolar, ficou logo de ideias do avesso no início do concerto quando no sistema sonoro surgiu a informação que podias fotografar e filmar à vontade, tendo apenas o cuidado de colocar o telemóvel em modo voo para não interferir com os instrumentos.

 

 

Foi ainda pedido para ligar as lanternas dos telemóveis e foi sob efeito de chuva de estrelas que se iniciou o espectáculo perante uma sala com cinco mil pessoas, completamente esgotada.

 

 

Star Wars”, “Indiana Jones” e “Regresso ao Futuro” foram das obras iniciais a serem abordadas por músicos que demonstraram um brilhantismo e sensibilidades com a mesma constante energia que o maestro os conduzia. Nuno Sá mostrou-se por várias vezes emocionado perante a efusividade do público e o carinho que chegava ao palco.

 

 

Ao longo do espectáculo há alguns destaques a fazer, desde logo a duas vozes de inegável valia, bem suportadas em termos de respiração e emotividade. Diana Lucas e Patricia Duarte estiveram em grande plano nos momentos que subiram a palco para dar voz a temas conhecidas de alguns filmes.

Somos a Lisbon Film Orchestra. Somos Portugal. Gostávamos muito de homenagear duas pessoas”, foi assim que Nuno Sá falou sobre Amália Rodrigues Nuno Maló (compôs a banda sonora para o filme sobre a fadista), antes de a Lisbon Film Orchestra interpretar um excerto dessa banda sonora.

 

 

O maestro mostrou ainda que é bom a tocar guitarra (!!!) num momento que deixou a todos surpreendidos. 

 

Inception”, “Cinema Paraíso”, “Casa de Papel”, “Harry Potter”, “Batman”, “007”, “Guerra dos Tronos”, “Piratas das Caraíbas” foram alguns dos filmes e séries abordados, masgistralmente e com classe indesritivel, por uma orquestra que começa a exigir mais espectáculos, mais palcos e que deixou o Campo Pequeno em completo delírio. O público obrigou a encore e mais que justificado.

 

 

Podemos ainda adiantar, foi anunciado no final do espectáculo, que o regresso da Orquestra ao Campo Pequeno será a 7 de Dezembro de 2019. Antes, 1 de Março, actuam no Salão Preto e Prata, no Casino Estoril, num espectáculo dedicados aos Óscares.

Bem-vindo ao Lisbon Film Orchestra live

Publicado por Lisbon Film Orchestra em Domingo, 9 de dezembro de 2018

 

Lisbon Film Orchestra prestou homenagem a Amália Rodrigues, no Campo Pequeno.

Publicado por Infocul em Domingo, 9 de dezembro de 2018

 

O nosso muito obrigado ! Vénias a cada um de vós! Enchemos o Campo Pequeno! E de coração cheio com 5000 fãs ao vivo! São pelo menos 5000 vezes a dobrar de felicidade e orgulho! Bem hajam !

Publicado por Lisbon Film Orchestra em Domingo, 9 de dezembro de 2018

 

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6397 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.