O cavaleiro Marco José celebra, em 2020, os 25 anos de alternativa enquanto cavaleiro tauromáquico. Em Évora, recebeu a equipa do Infocul.pt para uma entrevista na qual passou em revista o percurso e antecipou a corrida de touros em Vila Nova da Barquinha, a 12 de Setembro, na qual repartirá cartel com João Moura e Luís Rouxinol, frente a touros da ganadaria de Monte Cadema.

Foi a 6 de Julho de 1995 que o cavaleiro recebeu a alternativa, na praça de touros do Campo Pequeno, na 31ª Corrida TV, apadrinhado por Paulo Caetano, com o testemunho de Joaquim Bastinhas, António Ribeiro Telles, Rui Salvador e José Manuel Duarte e dos forcados do Aposento da Moita, com toiros da ganadaria de José Luis Sommer D’Andrade.

É realmente um ano atípico, mas para mim é um ano muito bonito. Porque celebrar 25 anos de alternativa, sem ter tradições taurinas ou tauromáquicas na família e sem ter antecedentes que estivessem no mundo da tauromaquia, não é fácil. São 25 anos como profissional, sempre no activo. São 33 anos como cavaleiro, com momentos bons e menos bons, mas sempre com uma afición e ilusão muito grandes. E com um profissionalismo maior”, começou por nos dizer.

O gosto pela tauromaquia e pela equitação “vem desde criança, porque a minha avó paterna tinha cavalos de lazer, o meu pai sempre foi um aficionado aos cavalos, sempre me possibilitou a ida, desde muito cedo, às corridas de touros, sempre me incentivou e tive oportunidade de começar a montar desde muito jovem e de começar a frequentar os bastidores da tauromaquia, com pessoas conhecidas (frequentava casas de várias cavaleiros). E desde que comecei a montar que tinha o pensamento e a ilusão de estar no lugar daquele, quando via uma corrida de touros, e queria ser cavaleiro”.

Ao longo de todo o percurso, “encarei a tauromaquia com um profissionalismo extra. Quando era jovem abdiquei de ir para as discotecas, porque quando eu era amador (anos de 87 e 88) não havia o entretenimento que há hoje e portanto como jovem normal, tínhamos por hábito juntarmo-nos às sextas-feiras com amigos, no carnaval também e eu como era amador toureava aqueles festivais de carnaval que havia na terça-feira de carnaval. Portanto, desde muito jovem que sempre separei o trigo do joio, como se costuma dizer”.

Nesta conversa, Marco José recordou a gloriosa actuação em Vila Franca de Xira frente a 6 touros Murteira Grave, a apresentação na Praça de Touros de Las Ventas, em Madrid, a lide de touros da ganadaria Miura e tantos outros momentos marcantes de um percurso do cavaleiro que além do valor enquanto profissional, tem como suporte muitos valores éticos que o tornam diferente.

A família, os cavalos, o toureio, o campo, mas acima de tudo o amor, preenchem a vida e a alma de um homem, nascido nas Caldas da Rainha, que celebra 25 anos de alternativa como cavaleiro tauromáquico e que nesta entrevista revela curiosidades de um percurso de mérito e esforço.

Fique ainda a conhecer a história da casaca que Marco José trajará no dia 12 de Setembro.

Em Vila Nova da Barquinha, a 12 de Setembro pelas 22:00, o cartel será composto por João Moura, Luís Rouxinol e Marco José, frente a touros da ganadaria de Monte Cadema. Actuam, ainda, os forcados amadores de Tomar e Coruche. Na Tourada Real será ainda prestada homenagem ao Marquês de Rio Maior.

Texto e Entrevista: Rui Lavrador
Vídeo e Fotografias: Rute Nunes e Carlos Pedroso

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6768 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.