‘Mário: História de um Bailarino no Estado Novo’ de regresso ao Cinema São Jorge: Entrevista a Flávio Gil

Fotografia: Rui Olavo

O dia 7 de Janeiro marca o regresso da peça ‘Mário: História de um Bailarino no Estado Novo’ ao Cinema São Jorge, em Lisboa. Flávio Gil concedeu curta entrevista ao Infocul sobre o espectáculo.

Não se trata de uma estreia, mas sim de um regresso após estrondoso sucesso obtido no ano passado.

Um espectáculo, com encenação de Fernando Heitor e interpretação de Flávio Gil, que estará em cena até 28 de Janeiro.

Um monólogo que aborda a vida de Valentim de Barros, um bailarino português perseguido pelo Estado Novo e que esteve internado no Hospital Miguel Bombarda devido à sua homossexualidade.

 

Flávio, esta peça regressa ao Cinema São Jorge. Quando surgiu o desafio esperavas um sucesso tão grande?

Nunca imaginei, até porque na verdade não tinha expectativa nenhuma nesse sentido. O meu único desejo era ter oportunidade de interpretar o texto que me apaixonou desde o primeiro momento. Tudo o que aconteceu, durante a primeira temporada no São Jorge, foi absolutamente surpreendente para todos.

O que foi mais desafiante para ti ao preparar e construir o personagem, inspirado em Valentim de Barros?

Talvez tenha sido encontrar a forma de ser a mesma pessoa em diferentes momentos da sua vida. Ter que transmitir mensagens muito distintas sem deixar de ser o mesmo indivíduo. Depois, toda a parte física representou um desafio enorme para mim. Aproximar-me minimamente da postura de um bailarino foi um trabalho difícil e muito desafiante.

Em termos de encenação ou texto haverá alguma alteração para as representações a partir de Janeiro? Ou seja, quem já viu o espectáculo irá ter alguma surpresa caso regresse ao São Jorge?

Não faria sentido alterar o espectáculo. É o “Mário” que vai estar em cena. O Mário que muitos já viram e insistiram em que devia ser reposto. É esse Mário que volta.

O espectáculo estará em cena até quando?

O espectáculo vai estar em cena a partir de 07 de Janeiro, todas as terças e quartas desse mês, às 19:00 na Sala 2 do Cinema São Jorge.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6518 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.