Mariza fez valer a primeira noite de Santa Casa Alfama

O Festival Santa Casa Alfama recebeu, esta sexta-feira, o primeiro dia daquela que é a oitava edição do certame neste típico bairro alfacinha.

 

Mariza, que actuou pela primeira vez neste festival, é a cabeça-de-cartaz deste ano e coube-lhe encerrar a primeira noite desta edição.

Com o público todo sentado, de modo a cumprir o distanciamento físico obrigatório e as regras definidas pela DGS, a lotação permitida não esteve repleta na sua ocupação.

Mariza fechou a primeira noite com um espectáculo ao nível do estatuto que ostenta.

Acompanhada por Luís Guerreiro, João Frade, Filipe Ferreira, Adriano Alves e João Freitas, Mariza apostou num espectáculo em que apresentou temas da discografia anterior e aproveitou ainda para dar a conhecer alguns dos temas que integram o novo disco, prestes a sair, no qual presta tributo a Amália Rodrigues.

Mariza tem a capacidade, e sabedoria, de conduzir um espectáculo, de perceber o que o público quer e também a forma como ela própria quer passar a sua mensagem. Todas estas características permitem que dificilmente saiamos defraudados de um espectáculo da cantora.

Prestou homenagem a Amália Rodrigues, conversou e cantou com o público, apresentou um espectáculo que foi do fado à pop, passando pelos ritmos africanos, de uma forma estruturada e que resultou muito bem.

‘Estranha Forma de Vida’, ‘Sou’, ‘Semente Viva’, ‘Beijo de Saudade’, ‘Quem me dera’, ‘Lágrima’, ‘Melhor de Mim’, ‘Maldição’, ‘Chuva’, ‘Barco Negro’, ‘Trigueirinha’, ‘É ou não é’, ‘É Mentira’ e ‘Ó Gente da Minha Terra’, entre outros, integraram o alinhamento no Santa Casa Alfama.

 

Texto: Rui Lavrador
Fotografias: Alfredo Matos

 

 

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6768 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.