Opinião: “Instinto” de Mickael Carreira

mickael-carreira

 

“Instinto” é o sexto álbum de Mickael Carreira e foi lançado a 11 de Novembro de 2016 com um concerto no Coliseu do Porto. Assim que foi editado, este trabalho entrou para o Top3 dos mais vendidos no país. Com este disco o cantor comemora 10 anos de carreira. 10 anos repletos de sucessos, prémios e reconhecimento a nível nacional e internacional.

 

 

“Instinto” é composto por 12 temas. O primeiro é “Imaginamos. Esta canção foi escrita em parceria com Diogo Piçarra, Ben Monteiro, Alex D’Alva Teixeira e Vasco Ramos. É um ritmo dançável é despretensioso, mesmo ao estilo do verão que se está a aproximar.

 

 

“Onde Errei” é a segunda faixa deste álbum. Este tema, comparado com o primeiro, é mais calmo e melancólico. É uma canção que fala sobre o fim de um relacionamento e o medo da perda.

 

 

“Só me faltas tu” é o terceiro tema deste disco. Esta canção fala sobre a falta de amor. De como só ficamos completos quando conhecemos a nossa “alma gémea”. Esta música traz um ritmo latino, uma batida dançável. Algo a que Mickael Carreira nos habitou nos últimos 10 anos de carreira.

 

 

“Fácil” foi o primeiro single extraído deste disco. Este tema tem um teledisco onde o músico aparece como um nerd, um “caixa de óculos”, que mesmo assim é capaz de conquistar a rapariga mais bonita da festa.

 

 

“Ya Ya Ya” tem a participação da jovem estrela da musica colombiana, Sebastian Yatra. Este tema possivelmente é aquele que, em todo o disco, se aproxima mais da música techno. É outras das canções que promete ser um grande hit neste verão.

 

 

“Amor” é a próxima música deste disco. É um outro tema que traz os ritmos latinos e que faz lembrar um pouco “Manu Chao”. É uma música dobradiça que fala sobre o amor de uma forma muito apaixonada.

 

 

“Como esquecer” é um tema mais calmo. Só a guitarra e a voz suave e sincera de Mickael Carreira. Esta é uma música que fala sobre como é impossível esquecer um grande amor que ainda nos marca de uma forma tão grande.

 

 

“Señorita Buena” é o segundo dueto deste disco, desta vez com El Micha. Juntos fazem-nos sonhar, dançar sem haver amanhã. Este tema é cantado em português e em castelhano, algo que o músico está a fazer cada vez mais. O cantor português já deu voz à banda sonora de uma novela da América latina.

 

 

“Mentira” começa com um som electrónico, uma batida agradável. Neste tema o cantor pede para estar com a sua “princesa” e que não consegue fingir mais que não sente a sua falta. Esta música tem um refrão que facilmente entra no ouvido.

 

 

O nome de Diogo Piçarra volta a aparecer neste disco no tema “Sei que pensas em mim”. Neste dueto os dois cantores dizem que mesmo sendo ignorados sabem que chamaram à atenção da outra pessoa. Esta é uma música jovem e dançável, apropriada para as pistas de dança que vão estar espalhadas por esse país durante o verão que se aproxima.

 

 

“Porque sem ti não dá” é o penúltimo tema do novo álbum de Mickael Carreira. É uma música ritmada mas que não foge da tónica romântica que o músico impera aos seus trabalhos. É uma canção jovem que promete ser uma das mais queridas junto do público.

 

 

“Instinto” finaliza-se com o tema “Agora eu estou bem”. Depois de 11 canções de procura, na décima segunda conseguiu atingir a tranquilidade, como diz na letra. Muitas vezes estamos melhor “sozinhos do que mal acompanhados”.

 

 

“Instinto” é um trabalho composto por temas que falam e transmitem uma grande actitude. Sentimentos que nos fazem reflectir mas também nos puxam para a frente e nos deixam com um outro “astral”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.