Em Janeiro, Marvila volta a fazer parte do circuito cultural e lúdico da cidade com a edição 2019 do Ouro, Incenso e Birra.

 

 

A festa, promovida pelas três cervejeiras artesanais ali instaladas, parte da tradição quase perdida dos cantares das Janeiras para criar um circuito de pequenos espectáculos em diferentes espaços do bairro. A partir das 15:00 de dia 12 de Janeiro, será possível ouvir a música de alguns dos mais interessantes nomes da música nacional do momento, provar novas cervejas e descobrir alguns dos lugares que habitam a nova vida do histórico bairro lisboeta. À semelhança do que aconteceu em 2018, parte das receitas do Ouro, Incenso e Birra revertem a favor de uma instituição social. Este ano, a escolha recai sobre a Sociedade Portuguesa de Esclerose Múltipla (SPEM), uma ONG vizinha que tem como missão melhorar as condições de vida de pessoas com esta condição, bem como dos seus familiares.

 

 

No campo musical, destaque à parceria com os artistas vizinhos do Clube do Capitão Leitão, que promoverá showcases de trêsporcento, Madrepaz, Samuel Úria, casuar:, LOT e Meses Sóbrio. Nesta primeira leva de nomes, confirmação ainda para os concertos de Reis da República, Iguana Garcia e Afonso Rodrigues (Sean Riley). A par das fábricas das cervejeiras Dois Corvos e MUSA, o Ouro, Incenso e Birra passará ainda pela sede da SPEM, Fábrica Moderna e Café com Calma.

 

Cumprindo com uma outra das tradições das iniciativas do colectivo, a ocasião será celebrada com o lançamento de mais uma cerveja colaborativa. Desta feita, uma red ale de estilo irlandês – ruiva, equilibrada e gulosa – que se junta às mais de duas dúzias de opções disponibilizadas habitualmente.

 

O alinhamento completo de actividades e horários será anunciado no início de Janeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.