Prémios Play: Dino D’Santiago venceu 3 e foi o triunfador da noite

 

 

 

O Coliseu dos Recreios recebeu esta terça-feira, 9 de Abril, a primeira edição dos Prémios Play- Prémios da Música Portuguesa.

.

Várias categorias a concurso, a nata da música portuguesa reunida e várias actuações numa noite de prémios, maioria atribuída por um júri.

A gala apresentada por Filomena Cautela e Inês Lopes Gonçalves e contou com actuações de Blaya (Faz Gostoso), Valas e Raquel Tavares (Estradas no Céu), Profjam (Água de Coco), Wet Bed Gang (Devia Ir), Jorge Palma e Sérgio Goinho (Portugal, Portugal / O Primeiro Dia), Expensive Soul (Amar é que é preciso), Amor Electro (A miúda do Café), Ricardo Ribeiro (No Teu Poema) e Virgul (Difícil Demais).

Foram premiados os seguintes artistas:

Categoria “Melhor Grupo”: Dead Combo

Categoria “Melhor Artista Solo”: Dino D’Santiago

Categoria “Melhor Álbum”: “Mundo Nôbu” de Dino D’Santiago

Categoria “Melhor Videoclipe”: “Amor em tempo de Muros” com Lila Downs de Pedro Abrunhosa

Categoria “Prémio Lusofonia”: “Nada Mudou” de Matias Damásio

Categoria “Prémio Crítica”: Dino D’Santiago

Categoria “Artista Revelação”: Conan Osiris

Categoria “Melhor Álbum Fado”: “Maria” de Carminho

Categoria “Melhor Artista Internacional”: Kendrick Lamar

Categoria “Melhor Canção Internacional”: “All The Stars” (with SZA) de Kendrick Lamar

Categoria “Prémio Carreira”: Carlos do Carmo

(Decidido pela PassMúsica, Audiogest e GDA)

Categoria “Vodafone Melhor Canção”: “Estradas no Céu” feat. Raquel Tavares de Valas

(votação do público durante o evento)

Destaca-se a presença da Ministra da Cultura, Graça Fonseca, que apresentou e entregou o Prémio Carreira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.