Problemas de saúde afastam músico dos Amor Electro dos palcos

 

Problemas de saúde obrigaram Rui Rechena, dos Amor Electro, a afastar-se temporariamente dos palcos.

A banda assumiu, através das redes sociais, esta situação ao explicar que “queremos comunicar-vos que desde o passado dia 13 de Junho, o nosso “REI” tem estado a passar uma fase complicada e necessitará dos próximos meses para procurar restabelecer-se, o que faz com que tenha de estar ausente dos palcos por tempo indeterminado”.

Assim, “naturalmente deixa-nos tristes, mas ainda assim queremos assumir o compromisso de cumprir com a nossa agenda de espectáculos e levar-vos o que mais amamos fazer… a nossa música”.

Destacam ainda que “o “Rex” é acima de tudo parte integrante das nossas vidas e estamos solidários com ele, particularmente nesta fase, entregando-lhe sempre o máximo das nossas forças para que volte o mais rápido possível ao palco pois, para além do músico espectacular que é, é uma pessoa ainda mais maravilhosa que nos completa o coração e nos preenche a alma”.

Rematam o comunicado, afirmando “Estamos juntos, porque juntos somos mais fortes!

#juntospeloREX

#juntospeloREI

#AMORsempre

#semprecomAMOR

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6262 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.