Rodrigo foi rei em noite de fados a cargo de Carolina e Peu Seabra

arrowarrow


Peu Seabra e Carolina subiram ontem a palco no Lounge D do Casino Estoril em mais uma noite de fados, como habitualmente acontece todas as semanas, à quarta-feira. O momento alto da noite contudo esteve a cargo do carismático Rodrigo, que se encontrava na plateia a assistir, mas fi convidado a subir a palco, interpretando três fados.

 

Peu Seabra teve a responsabilidade de abrir o espectáculo e esteve em plano aceitável. Com uma voz grave que causa impacto, deverá contudo rever a expressividade em palco. As expressões faciais e restante linguagem corporal nunca foram um prolongamento das palavras dos poetas por si cantadas. A afinação teve também dois momentos em que falhou. Sendo um jovem tem uma enorme margem de progressão e certamente que irá evoluir. Do seu reprtório fizeram parte fados como “Lisboa menina e moça” e “Senhora do Livramento”.

 

 

Carolina estreou-se no Lounge D do Casino Estoril com uma actuação de bom nível. Boa colocação de voz, boa interacção com o público e uma linguagem corpora sóbria mas que transmitia sentimento. Do seu alinhamento constaram fados como “A mulher que já foi tua”, “Marujo Português”, “Apartamento” ou “Marcha dos Centenários” com o qual encerrou o espectáculo.

 

 

O momento da noite contudo deu-se quando Carolina convidou Rodrigo a subir a palco para cantar. O fadista não recusou e mostrou-se um extraordinário “cantador de historias” como se intitula. Cantou correctamente mas melhor que isso, explicou algumas particularidades do Fado. O público escutou-o com atenção e no final dos três temas por si interpretados prestou ovação de pé. Que bom foi ver que o público não tem memória curta e saúda os nomes que ajudaram a construir a historia do Fado.

 

 

As noites de fado estão de regresso ao Casino Estoril na próxima quarta-feira com Gonçalo Castelbranco e Silvana Peres.

 

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6749 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.