Pedro Galveias Ruas Do Meu Fado

 

“Ruas do meu fado” é o quinto álbum de originais do fadista Pedro Galveias. Este álbum tem o apoio do Museu do Fado e Rádio Amália e é composto por 14 temas que retratam os quadros de Lisboa, o amor, e os desencontros da vida que são cantados através das palavras dos poetas Jorge Fernando, António Rocha, Tiago Torres da Silva, Frederico de Brito, João Correia, Moita Girão, Paco Gonzales, Clemente Pereira, António Vilar da Costa, Nel Garcia e Tiago Simões, alguns dos maiores nomes do Fado em Portugal.

 

 

Todos estes compositores têm em comum a paixão pela cidade de Lisboa e pelas suas gentes, formas de viver que continuam vivas nos bairros típicos alfacinhas e que se funde com o cosmopolitismo de uma grande capital europeia. O tradicionalismo e a “modernidade” são duas qualidades que podemos encontrar na voz de Pedro Galveias.

 

 

Neste disco Pedro Galveias faz o retrato do seu percurso enquanto fadista. Um percurso pontuado por sucessos, muito trabalho e amor pelo fado, expressão maior da música feita em português mas que é de toda a humanidade desde que a Unesco distinguiu-a.

 

 

Este auto-retrato de Pedro Galveias pode ser escutado no fado “Deixem-me Ser Assim” de Jorge Fernando, que iniciou a sua carreira ao lado do nome maior do fado, Amália Rodrigues, mas, também, é uma homenagem às suas origens e sonhos de menino, não esquecendo o amor, que pode ser escutado nos fados “Tempos de Criança” e “O Silencio das Palavras” (em dueto com Cátia Garcia). Neste dueto as duas vozes encaixam na perfeição, trabalhando como se fossem apenas uma, numa harmonia bem agradável ao ouvido.

 

 

Pedro Galveias mostra a sua vertente de compositor em “Um Dia Contigo”. Fado que fala sobre o amor, o amor à vida e às pessoas importantes que fazem parte da nossa vida.

 

 

O novo disco de Pedro Galveias já pode ser adquirido em formato físico e foi editado pela Música Unida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.