Sailorman” é o videoclipe de apresentação do novo trabalho de Captain Boy

Captain Boy

 

Captain Boy estreia o videoclipe do tema “Sailorman” e apresenta o álbum “1”, que é editado a 27 de Janeiro. Depois do EP editado em 2015, Captain Boy apresenta o primeiro trabalho de longa duração, a primeira viagem do cantautor, a que deu o título de “1”. 

 

 

Este é um disco sobre fragilidades que começa logo no número um que vem escrito numa placa de ishihara, que Captain Boy não consegue ler porque é daltónico, e que termina quando chegamos a casa, na última música. Todo o álbum foi gravado na sua forma mais crua, despido de tudo o que é acessório, criando um canal directo entre as gravações e quem o ouve.

 

 

O videoclipe “Sailorman” representa uma conversa interior, como tantas as que Captain Boy tem com o subconsciente. Segundo o músico, “Uma conversa para limpar as manchas dos vidros que por vezes não nos deixam ter uma visão clara do que somos.”

 

Os concertos de apresentação do álbum “1” iniciam-se a 27 de Janeiro em Guimarães (Centro Cultural Vila Flor – Sons de GMR), data de lançamento do disco em formato físico e digital. A 18 de Fevereiro o cantor volta a Guimarães para um showcase, às 17:00, na Fnac.

 

 

Para Captain Boy em Fevereiro segue-se: Sever do Vouga (04 de Fevereiro, no CAE para a Alter Ego Music Sessions), Porto (11 de Fevereiro, 17:00, Showcase na Fnac de Santa Catarina), Espinho (11 de Fevereiro, pelas 22:00, Showcase na Fnac do MarShopping) e Braga (18 de Fevereiro, pelas 22:00, showcase na Fnac).

 

 

Em Março, Captain Boy volta a Espanha, passando por León (03 de Março no Babylon)  e Santiago de Compostela (04 de Março no Riquela Club). Ainda durante o mês de Março, dia 11, desloca-se até Lisboa, ao MusicBox, para apresentar o seu novo disco. Para este concerto o cantor convida o músico australiano Steve Smyth para se juntar a si no palco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.