Santa Casa Alfama: José Quaresma celebrou o Fado, na Igreja de Santo Estêvão

 

 

O ex-seminarista voltou à igreja no passado dia 28 de Setembro, mas não foi para celebrar a missa. Voltou graças ao pedido feito pelo festival Santa Casa Alfama, acompanhado por Pedro Viana, Bernardo Viana e Marino de Freitas, na guitarra portuguesa, na viola e no baixo, respectivamente.

Começou o espectáculo com o tema “Senhor, não sei o meu nome”, tendo aclarado depois que apesar de não ser lisboeta, sente como se Lisboa fosse a sua cidade.

O fadista explicou na entrevista facultada ao Infocul.pt que o reportório apresentado foi “escolhido com pinças”, de modo a não desrespeitar a religiosidade do local onde iria cantar.

Foi possível presenciar de início algum nervosismo por parte do fadista, mas nada o impediu de interpretar os temas eclesiásticos com facilidade.

Todos os temas tinham um carácter religioso, sendo que alguns desses temas fazem parte do reportório de Frei Hermano da Câmara, como “Cristo Antigo” e “Lenço a Dizer Adeus”. Fez também a performance de fados mais tradicionais como “Senhora da Nazaré”, “Rezando Pedi por Ti” e “Deus Meu Deus” de Filipe La Féria; como também de uma música que cantava na igreja quando era jovem, intitulada “Braços Cansados”.

Apesar do facto que o eco incomodava um pouco a experiência dos espectadores, o fadista foi sempre aplaudido pelo público.

 

Texto: Mariana Nave
Fotografias: Nuno de Albuquerque

Mariana Nave

Em Fevereiro de 2019, começou a trabalhar com o projecto Infocul.pt, sendo este também o primeiro projecto com que colabora. Apesar de ainda não ter um longo percurso, continua a trabalhar sempre com o objectivo de melhorar as suas capacidades no ramo da comunicação social.

Mariana Nave has 30 posts and counting. See all posts by Mariana Nave

Mariana Nave

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.