O Festival Évora África encerra a 25 de Agosto com um concerto de Sara Tavares.

 

 

Depois de 3 meses de concertos, performances e conferências, o Festival Evora Africa encerra a sua 1ª edição.

 

O Palácio de Cadaval recebeu artistas de todas as partes do continente africano e viveu, ao longo de 3 meses, uma festa de homenagem à cultura africana única em Portugal.

 

Desde a criação do mural de Esther Mahlangu, passando pelos rituais das Máscaras da Lua, os live sets de Rita Só, os acordes de Ballaké Sissoko e a explosão de sentidos do Dj Ibaaku, Évora viveu a maior festa da cultura africana. Três meses de descobertas e reencontros que terminam com um concerto emotivo de Sara Tavares, uma artista muito querida da música Portuguesa e Cabo Verdiana. Dia 25 de agosto, festeja-se a cultura africana e a metamorfose perfeita que aconteceu desde 25 de maio no Palácio Cadaval. Um concerto com entrada livre.

 

A exposição “African Passions” continuará aberta até dia 30 de Setembro, das 10:00 às 18:00 todos os dias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.