Sensible Soccers, Miramar, Lina_Raul Refree e PONGO actuam no Eurosonic Noorderslag

Sensible Soccers, Miramar, Lina_Raul Refree e PONGO foram os quatro projetos selecionados para representar Portugal e actuam esta semana no Eurosonic Noorderslag, o maior festival showcase da Europa, a decorrer em Groningen (Países Baixos), de 15 a 18 de Janeiro. 

Sensible Soccers, são os primeiros portugueses a atuar no festival, esta quinta-feira, no palco Vrijdag. O projeto, que celebra 10 anos de existência, atua este ano no Eurosonic a convite da Antena 3, parceira do festival, enquanto membro da rede EBU (European Broadcast Union). 

No mesmo dia, atua ainda a dupla que une o fado à eletrónica, Lina_Raül Refree, no palco Der AA-Kerk. Refree, que assinou a produção do primeiro álbum de Rosalía e a fadista Lina apresentam o seu disco conjunto esta sexta-feira.

Frankie Chaves e Peixe sobem a palco com o recente projeto Miramar, dia 17, no Grand Theatre.

A artista PONGO, que está nomeada para os Music Moves Europe Talent Awards, atua no dia 17, após a cerimónia de entrega do prémio MMETA e dia 18, o último dia do festival.

O festival Eurosonic Noorderslag que acontece em Groningen, Holanda, de 15 a 18 de janeiro, é em simultâneo, um festival de música e uma plataforma europeia de divulgação de música, com conferências e encontros entre agentes da indústria musical de todo o mundo.

Portugal faz-se representar ainda a este nível, com dois profissionais portugueses convidados. Rui Torrinha, Diretor Artístico do festival showcase Português, Westway Lab, é um dos oradores convidados no painel que irá discutir a realidade dos festival boutique e Nuno Saraiva, Diretor Executivo do gabinete de exportação da música portuguesa, Why Portugal, será o moderador do painel que foca a estratégias de exportação do sector música da Europa para o Canadá. 

A representação de Portugal no Eurosonic é todos os anos reforçada, pela participação do gabinete de exportação WHY Portugal, enquanto membro das redes ETEP (European Talent Exchange Programme) e EMEE (European Music Export Exchange), com o apoio da Audiogest e da Fundação GDA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.