Sesimbra: Fred Martins dá início ao ciclo Concertos a Propósito

Fred Martins 03

 

O cantor e compositor brasileiro Fred Martins sobe ao palco do Cineteatro Municipal, no dia 28 de janeiro, sábado, às 21.30 horas, dando início ao ciclo Concertos a Propósito, que ligam a sala a momentos que acontecem ao longo dos primeiros meses do ano. A atuação de Fred Martins antecipa, de certa forma, o Carnaval de Sesimbra, inspirado na tradição brasileira.

 

 

Em março, a propósito do Dia Mundial da Poesia, o palco recebe Luiz Caracol, músico e compositor português que já colaborou com algumas das grandes referências da música portuguesa. Um mês depois, é a vez dos Couple Coffee se associarem às comemorações do 25 de Abril com a interpretação das músicas de Fausto Bordalo Dias, um dos mais importantes cantautores da revolução dos cravos. O ciclo despede-se em maio, mês em que a vila de Sesimbra celebra a festa em honra do Senhor Jesus das Chagas, e assinala o Dia do Pescador, com duas vozes da nova geração de fadistas portugueses: Gonçalo Salgueiro e Cristiana Águas.

 

 

Intitulado A Música é o Meu País, o concerto de Fred Martins reúne, em formato intimista, canções marcantes da sua trajetória e também abre espaço para novidades. Destacado entre os artistas da sua geração, o cantor e compositor fluminense é autor de um repertório variado e muito relacionado com o “artesanato” da canção brasileira contemporânea.

 

 

As suas composições dialogam com o samba, a bossa nova e o nordeste modal, integrando também elementos de rock e blues. O seu talento foi reconhecido no Prémio Visa de Música Brasileira, quando recebeu a distinção máxima do júri, por unanimidade, e venceu também pelo voto popular. Na sequência do prémio, gravou o especial de TV Tempo Afora (Canal Brasil), posteriormente lançado em DVD. As suas composições já foram gravadas por Ney Matogrosso, Renato Braz, Zélia Duncan, Maria Rita e MPB4, entre outros.

 

 

O primeiro CD, Janelas, foi lançado em 2001. Seguiram-se Raro e Comum (2005), Tempo Afora (2008) e Guanabara (2009). Em 2011, gravou também Acrobata, em duo com Ugia Pedreira, na Galiza, e em 2015, o seu primeiro CD na Europa, Para Além do Muro do Meu Quintal. Fred Martins participou em vários festivais internacionais como Lula World Festival (Canadá), Músicas Portuárias (Espanha), Cantos na Maré (Espanha), Jawhara Festival (Marrocos) e Músicas do Mundo (Portugal), entre outros. Na Europa destaca-se a participação, como compositor e intérprete, no espetáculo Utopia (inspirado na obra de Oscar Niemeyer), da Companhia de Flamenco, de María Pagés.

 Em palco, Fred Martins será acompanhado por Bony Godoi, Ruca Rebordão e Sandra Martins.

 

Os bilhetes custam 10 euros. 

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6771 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.