Sons do Bussaco: Terry Lee Hale actua na Mata Nacional do Bussaco

Terry Lee Hale

 

A Fundação da Mata do Bussaco apresenta uma nova temporada dos “Sons do Bussaco”. Depois da primeira temporada, que aconteceu entre Junho e Novembro de 2016 e contou com a presença de Kimi Djabaté (Guiné-Bissau), Grutera (Portugal) ou A Jigsaw (Portugal).

 

 

O primeiro concerto vai acontecer no dia 28 de Janeiro, às 21:30, e em palco vai estar o norte-americano Terry Lee Hale. 

 

 

Desde cedo Terry viajou pelos EUA aprendendo música, escrevendo e fascinando-se com os sons da guitarra. O músico recorda da sua infância uma viagem que fez ao Texas, no banco de trás de um velho Nash Rambler, por Cellilo Falls, o ferry-boat ao longo do rio Columbia, Hank a tocar na rádio, a música de Fats Domino, de Tennessee Ernie Ford, de Jim Reeves e de Johnny Cash até Seatle.

 

 

Depois de ter lançado “The Long Draw”, Terry Lee Hale editou em 2016 “Bound, Chained, Fettered”, um disco composto por nove canções elegantes, sonhadoras e que destilam intimidade.

 

 

Seguem-se o colectivo com elementos oriundos do Brasil, Argentina e Itália de nome Forró Miór, que foram considerados pelo Le Monde como uma das mais inspiradas bandas do género, no dia 25 de Fevereiro; O Gajo, um viajante que percorre os caminhos da música popular, do fado, ao folk e ao rock, no dia 4 de Março; Tiago Saga, líder do projecto luso-britânico Time For T, apresenta-se a solo no dia 8 de Abril e On The Road com Tó Trips e Tiago Gomes que celebram 10 anos como duo e têm surpresas preparadas para o concerto do dia 20 Maio.

 

 

Os bilhetes para os concertos “Sons do Bussaco” custam 5€ e a entrada na Mata é grátis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.