O showcase supresa preparado para o segundo dia do Palco Coreto Arruada do NOS Alive 2019 constitui um dos pontos altos da programação do dia 12 de Julho. Os géneros musicais da programação são bastante amplos e a qualidade nacional volta a mostrar cartas.

Hip-hop no feminino, a sensibilidade das canções indie, a delicadeza na língua portuguesa e a electrónica desconcertante constituem motivos de sobra para várias visitas ao Palco Coreto durante o dia 12 de Julho. A tudo isto junta-se um showcase surpresa preparado para a tarde do mesmo dia.

Registos musicais distintos, marca feminina, fortes personalidades artísticas e um futuro promissor em cada um dos projectos que sobem ao Palco Coreto no segundo dia do festival.

Em 2017 pensou em fazer música. Rodeou-se de gente que poderia dar forma às suas ideias (de Conan Osíris a Primeira Dama). O bandcamp é a rampa de lançamento da sua música para universo digital. 2019 em atualizações constantes aqui com a emocional Sreya.

Cabo-Verde, Moçambique, China e Timor. Junta-se Cova da Moura, Damaia, Cacém e Margem Sul. Este é o melting pot que está na base da personalidade musical de Chong Kwong. Criativa, expressiva e com humor único, a rapper está a trilhar o seu próprio caminho. Obrigatório no Coreto 2019.

As canções. As eternas canções. Uma viola e uma voz. E histórias. Marinho encontra-se aqui. O álbum está previsto ainda para 2019 e “Ghost Notes” é o single que permite ir ao encontro da personalidade musical. A masterização do single é de Philip Shaw Bova e os nomes de currículo apontam pistas para Marinho (Feist, Marlon Williams, Andy Shauf).

Cantora e compositora que tem nas histórias de amor a sua matéria-prima. A personalidade musical bebe em muitos ribeiros diferenciados como Ella Fitzgerald, Florence & The Machine ou Cristina Branco. O ponto de partida é o piano e a voz é para conquistar.

​Artistas confirmados: Andrew Lawrence, Ana Garcia Martins, Bob Moses (Club Set), Bon Iver, Camané, Carlos Coutinho Vilhena, Catarina Matos, Carlos Vidal, Cut Copy, Curadoria Bridgetown (Carla Prata, Dillaz, DJ Dadda, Nubai Soundsystem, Plutonio, Saint Jhn, Trace Nova e Lé Vie), Diogo Faro, Eduardo Madeira & Manuel Marques, Emicida, Ena Pá 2000, Fernando Rocha, Gavin James, George FitzGerald, Grace Jones, Greta Van Fleet, Golden Features, Gossip, Guardanapo, HONNE, Hot Chip, Hugo Sousa, IDLES, Izal, Jasmim, Joana Ramos, Jel, Johnny Marr, Jorja Smith, Kojey Radical, Linda Martini, Loyle Carner, Maribou State, Márcia, MARINA, Miguel 7 Estacas, Mogwai, Nilton, Nova Materia, Ornatos Violeta, Perry Farrell’s Kind Heaven Orchestra, Pip Blom, Primal Scream, Ricardo Cardoso, Ricardo Toscano, Robyn, Roda Bota Fora, Rolling Blackouts Coastal Fever, Ry X, Samm Henshaw, Sharon Van Etten, Solar Corona, Stereossauro, Sunflowers, Tash Sultana, The Chemical Brothers, The Cure, The Smashing Pumpkins, The Gift, Thom Yorke, Tiago Nacarato, Tom Walker, Tourist, Trikk, Vampire Weekend, Vaarwell, Vetusta Morla, Weezer e Xavier Rudd.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.