Tambor: “A memória para nós significa o futuro. Um futuro cheio de vontade”

RETRATOS PROMOCIONAIS TAMBOR

 

“A construção da Saudade” é o novo disco Tambor, que conta com “Desde Esse Dia” como single. Este trabalho apresenta uma estética orgânica e progressiva, um disco conceptual.

 

O grupo comemora 18 anos de canções e o Infocul numa breve entrevista falou com o grupo sobre o percurso de tantos anos de canções e também o que está a ser preparado.

 

 

 

Qual o balanço de 18 anos de canções?

 

18 anos de banda, de canções , de música traz-nos à lembrança o primeiro momento em que criámos “espuma dos dias” até esta vontade de compor ,ainda hoje ,o universo de tambor. A memória para nós significa o futuro. Um futuro cheio de vontade .

 

 

 

Para este novo disco quando é que tudo começou a ser preparado?

 

“A construção da saudade” começou a ser preparado em 2014 quando surgiu um convite da antena 1 para a comemoração dos 40 anos de canções do 25 de Abril. Nesta sorte surge  a “canção verdes anos” de Carlos Paredes e letra de Pedro Tamen e todo o universo deste disco se tornou claro para nós.

 

 

Qual a principal mensagem que tentam transmitir com este disco?

 

A Construção da Saudade”  é um álbum conceptual, orgânico e progressivo que fala de saudade e do momento em que chega e parte o amor, do momento em que decides se ficas ou vais, se deixas memórias, se voltas antes que a saudade acabe .

 

 

Sentem que o público alvo será um público muito especifico dado o género musical?

 

Gostávamos que a nossa musica chegasse a todos os que a querem ouvir. (sorriem)

 

 

Em termos de espectáculo quais as datas que podem ser reveladas?

 

Estamos a preparar novidades! É um  work in progress.

 

 

Onde pode o público interagir convosco e saber as novidades?

 

Através da nossa página de facebook.

 

Fotografia: Rita Carmo

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6768 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.