Tatanka, José Manuel Neto e Dead Combo garantem que “Há Música no Trindade”

musica no trindade

 

Um escritor de canções, um expoente da guitarra portuguesa e dois “vagabundos” da noite lisboeta vão subir ao palco de uma das salas mais nobres do coração da capital como parte de uma programação que vai priviligiar largamente o desenho criado mentalmente e que junta a voz, a guitarra e o piano. Tatanka, José Manuel Neto e Dead Combo vão garantir que  “Há Música no Trindade”.

 

 

Tatanka vai no dia 23 de Junho dar inicio ao “Há Música no Trindade” e regressar aos seus primórdios. “É um novo Tatanka que as pessoas ainda não conhecem”, explica o cantor sobre a sua apresentação. “É um regresso do Tatanka dos primórdios, recuperei muito do repertório do início, canções que escrevi há 10 anos ou mais. E isso teve a ver com uma mudança na minha vida, tive filhos, sai do centro da cidade e hoje vivono com um ritmodançável mais relaxado que me apeteceu também explorar na música”.

 

 

Os concertos seguirão a 24 de Junho com o guitarrista brasileiro Yamandu Costa, que já fez saber que o fadista Ricardo Ribeiro será o seu convidado.

 

 

A 07 e 08 de Julho, será a vez do expoente da guitarra portuguesa José Manuel Neto. Além da vasta discografia de fadistas com quem tem trabalhado ao longo dos anos, o guitarrista também foi construindo obra em nome próprio, emoldurada por inúmeros trabalhos. José Manuel Neto vai levar ao teatro um espectáculo pensado para a sua guitarra portuguesa, explorando todas as nuances de um instrumento cujo som é hoje património mundial reconhecido pela UNESCO. 

 

 

A 27 e 28 de Julho, os Dead Combo, de Pedro Gonçalves e Tó Trips, vão dar continuidade ao “Há Música no Trindade”. Eles prometem uma viagem por toda a sua aplaudida discografia, incluindo já o levantar do véu de novo material que só deverá ver a luz do dia, formalmente, quando lançarem novo trabalho em 2018. “Gosto muito da sala do Teatro da Trindade onde os Dead Combo nunca tocaram”, revela Tó Trips. “Há muitos anos que não passo por lá, pelo que estou curioso para tocar lá. Deveremos quase de certeza estrear um tema novo. Ainda por cima é uma sala muito próxima do Bairro Alto, que é uma das nossas inspirações”.

 

 

O “Há Música no Trindade” poderá ser visto de Junho a Dezembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.