Teatro Oficina apresenta “O Conto de Inverno” no Centro Cultural Vila Flor

O conto de inverno

 

O Teatro Oficina apresenta a mais recente criação, “O Conto de Inverno”, no Centro Cultural Vila Flor (CCVF), em Guimarães, nos dias 20 e 21 de Janeiro, às 21:30. Esta peça conta com música ao vivo de Manuel Fúria e Os Náufragos. A anteceder este espectáculo haverá a apresentação da programação para 2017.

 

 

A anteceder a primeira sessão da peça “O Conto de Inverno”, no dia 20 de Janeiro, às 19:00, o Teatro Oficina vai fazer uma apresentação pública da sua programação para o ano de 2017. O Café Milenário vai servir de palco para este momento que pretende dar conta de uma vida que se quer de ligação à cidade, aos seus amadores e estudantes de teatro, aos seus projectos de programação artística, aos seus espaços culturais e, claro, a todos os habitantes da cidade de Guimarães.

 

 

Após esta apresentação e nos dias 20 e 21 de Janeiro, às 21:30, o Teatro Oficina sobe ao palco do grande auditório do CCVF para apresentar a sua mais recente criação “O Conto de Inverno”, de William Shakespeare.

 

 

Esta peça que é pertence à série derradeira dos “Romances”. Estes textos são inspirados no folclore intemporal dos contos moralizantes que recuam à antiguidade britânica ou clássica, esta última neste caso. O folclore britânico costuma abordar os males do ciúme e procurando na natureza a energia renovadora que concede todas as reconciliações.

 

 

A peça não costuma ser valorizada pela sua intensa carga política, e realismo das suas crueldades, mas antes como um conto admonitório algo fantasioso sobre os males do ciúme e sobre a energia renovadora que a natureza concede a todas as reconciliações.

 

 

“O Conto de Inverno” fala sobre o amor, que atravessa as coordenadas dos tempos e das idades, pondo à prova homens e mulheres na teia complexa dos seus relacionamentos, em tudo o que estes têm de mais digno ou ignóbil.

 

 

Esta peça conta com a encenação de Marcos Barbosa e junta no palco um fantástico elenco de actores e os músicos Manuel Fúria e os Náufragos que vão actuar, ao vivo, durante o espectáculo.

 

 

Para Marcos Barbosa, esta produção é a “realização de um sonho há muito aguardado”. O encenador afirma tratar-se da sua peça favorita de Shakespeare e diz sentir-se “honrado por ter oportunidade de trabalhar num projecto desta envergadura, que junta no mesmo palco três línguas, que parte de três traduções do texto original e que coloca em palco, ao lado do elenco de actores, músicos do grupo Manuel Fúria e os Náufragos, que vão actuar ao vivo durante a peça e, pontualmente, serem actores”.

 

 

Depois da estreia a 07 de Outubro de 2016, no Teatro Aveirense, e da passagem pelo Salón Teatro, em Santiago Compostela (12 a 15 de Janeiro), o Teatro Oficina apresenta agora “O Conto de Inverno” em Guimarães. Os bilhetes para esta peça podem ser adquiridos nas bilheteiras do Centro Cultural Vila Flor e da Plataforma das Artes e da Criatividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.