“Temos a visão de um país rendido à grandeza da Corrida de Toiros à Portuguesa”, diz cabo dos amadores das Caldas da Rainha

Foto: Frederico Henriques

Francisco Mascarenhas, cabo do grupo de forcados amadores das Caldas da Rainha, emitiu um comunicado no qual expressa “uma visão de futuro” pela “defesa e valorização da tauromaquia”. Abaixo, o comunicado na íntegra:

 

Pela Defesa e Valorização da Tauromaquia

Nós também temos uma visão de Futuro!

 

Temos a visão do dia, em breve, em que voltaremos a estar fardados com os nossos amigos, a fazer o que mais amamos na vida. Pegar toiros;

 

Temos a visão de muito em breve voltarmos a experienciar essa alegria e emoção, esse ambiente de diversão sem par que só a Festa Brava nos pode oferecer, nesse encontro proporcionado por uma Corrida de Toiros, em que a Amizade entre os elementos de um Grupo se escreve com letra grande;

 

Temos a visão de um país rendido à grandeza da Corrida de Toiros à Portuguesa, onde a par de um espectáculo sem igual, as personalidades e carácter dos jovens forcados se forjam em Coragem, Determinação e Autoconfiança, assim como em valores eternos como a Lealdade, a Solidariedade e a Verdade entre as pessoas;

 

Temos a visão de um país em que impera o respeito pela liberdade de cada um fazer as suas escolhas, ainda que face a discordâncias gritantes; um país em que a ideologia não se sobrepõe às opções do indivíduo que opta pelas mais belas e nobres tradições, em coerência com princípios constitucionais que proíbem os representantes da nação de ousar programar a educação e a cultura;

 

Temos a visão de um país em que os representantes da nação defendem e respeitam todos sem excepção, sem dualidade de critérios, com profundo sentido de justiça, em coerência com o seu compromisso de honra e as suas responsabilidades, ainda que se tratasse de muito menos do que os 3 milhões de aficionados; 

 

Temos a visão de um país em que os costumes ancestrais da nação são valorizados e promovidos como património estrutural da identidade de um Grande Povo;

 

Temos a visão de um país que se orgulha da sua cultura, história e identidade a ponto de se mobilizar inabalavelmente em defesa do que mais seu existe;

 

Temos a visão de, marcados por esta cultura de vitória perante temerosas adversidades, recebida no seio da festa dos toiros, um país que em uníssono e pela graça de Deus enfrenta as dificuldades de tal modo que nada nem ninguém impedirá esta nação que amamos de ser Grande;

 

Tudo isto aprendemos no nosso Grupo, no Grupo de Forcados Amadores de Caldas da Rainha, e por tudo isto jamais permitiremos que seja posta em causa a Festa que justifica a existência do Grupo, pelo qual tantas vezes colocamos em risco a nossa integridade física e a nossa vida.

 

Pela Festa Brava e pela Corrida de Toiros à Portuguesa. Sempre.

 

Francisco Mascarenhas

Cabo do Grupo de Forcados Amadores das Caldas da Rainha

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.