Terça-feira, Julho 27, 2021

Desconfinamento: Chega emite comunicado e desconfia de António Costa

A direção nacional do Chega emitiu um comunicado, a reagir às declarações do primeiro-ministro, António Costa, sobre o desconfinamento.

“O CHEGA reage com desconfiança às palavras hoje proferidas por António Costa, deixando claro que o desconfinamento pode parar se qualquer dos indicadores sofrer alterações.
Não há nenhum país europeu com menos de 120 casos por 100.000 habitantes – número apontado pelo Governo – pelo que, ameaçar vários concelhos com a suspensão do processo de desconfinamento, nomeadamente no Algarve, uma das regiões mais afetadas pelos efeitos pandémicos, é um tremendo erro de análise e decisão política.
Neste momento, o Governo tem de promover o desconfinamento acelerado – permitindo a retoma das atividades económicas – e antecipar eventuais novas vagas da pandemia, nomeadamente para o próximo Outono /Inverno.
O Governo não pode cometer este ano os mesmos erros que cometeu no Verão passado, e fazer esse planeamento logístico e político seria muito mais eficaz do que ameaçar com a suspensão do processo de desconfinamento
“, refere o comunicado.

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

23,900FãsCurtir
154SeguidoresSeguir
101InscritosInscrever