Edmundo Inácio apresenta álbum de estreia

Edmundo Inácio apresenta álbum de estreia, hoje disponibilizado nas plataformas.

Já está disponível em todas as plataformas o tão esperado álbum de estreia do artista Edmundo Inácio.

“Vai-se Andando?” marca não apenas o início de uma promissora carreira musical, mas também uma celebração da herança da Música Tradicional Portuguesa.

Com uma abordagem plural e visionária, Edmundo Inácio apresenta um álbum que se propõe, não só, a enaltecer e sublinhar a diversidade da Música Tradicional Portuguesa, mas ao mesmo tempo trazer para as suas canções algumas questões temáticas que, aos dias de hoje, urgem ser discutidas. 

“Este álbum é mais do que apenas música; é uma expressão da nossa identidade cultural e uma plataforma para abordar questões sociais que são importantes para mim e para a comunidade

“Vai-se Andando?” já pode ser ouvido em todas as plataformas digitais e conta com um alinhamento de 13 canções entre elas “A Festa”, que ficou em 2º lugar no Festival da Canção em 2023, “Agora Vira”, “Josézito”, o mais recente single do artista e “Minha Mãe”, canção que, segundo Edmundo Inácio “é uma mensagem de amor e conforto, uma homenagem ao colo maternal que nos apoia nos diferentes momentos das nossas vidas, especialmente nos mais difíceis”

Os concertos de apresentação do álbum “Vai-se Andando?” iniciam já no próximo dia 10 de fevereiro na Casa da Música, no Porto, passando pelo Centro de Artes de Águeda no dia 17 de fevereiro, Centro Cultural de Belém, em Lisboa, a 21 do presente mês e termina a 2 de março com um concerto em Portimão, Terra Natal do artista. 

AGENDA 
 

10 de fevereiro – Casa da Música – Porto (Bilheteira)
17 de fevereiro – Centro de Artes de Águeda – Águeda  (Bilheteira)
21 de fevereiro – Centro Cultural de Belém – Lisboa  (Bilheteira)
02 de março – Teatro Municipal de Portimão – Portimão  (Bilheteira)

Siga-nos no Google News

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

31,777FãsCurtir
12,739SeguidoresSeguir
438SeguidoresSeguir
277InscritosInscrever