Estoril-Porto: Dragões perdem e acabam reduzidos a 9 jogadores

Estoril-Porto: Dragões perdem e acabam reduzidos a 9 jogadores, esta noite, na 27ª jornada da Liga Portugal Betclic.

Onzes titulares:

Estoril: Marcelo Carné; Vital, Basso, Mangala; Wagner Pina, Mateus Fernandes, Zanocelo (Mor Ndiaye, 85), Tiago Araújo; Rodrigo Gomes (João Marques, 79), Cassiano (João Carlos, 79), Heriberto (Fabrício, 86, Voleni, 90+3).

FC Porto: Diogo Costa; João Mário (Jorgie, 75), Pepe, Otávio, Wendell; Alan Varela (Iván Jaime, 75), Nico González (Namaso, 85); Francisco Conceição, Pepê (Eustáquio, 85), Galeno (Cláudio Ramos, 67); Evanilson.

Suplentes:

Estoril: Daniel Figueira, Raúl Parra, Volnei, Marqués, João Carlos, João Marques, Michel, Mor Ndiaye, Fabrício.

FC Porto: Cláudio Ramos, Fábio Cardoso, Eustáquio, Marko Grujic, Jorgie, Iván Jaime, Namaso, Toni Martínez, Gonçalo Borges.

Estoril e Porto enfrentaram-se hoje no Estádio António Coimbra da Mota, para a 27ª jornada da Liga Portugal Betclic.

O jogo foi dividido na primeira parte, com mais posse de bola para o Porto, porém sem que isso se tornasse num domínio avassalador.

A segunda parte foi mais agitada e começou com uma polémica, após o árbitro assinalar penalti para o Porto, por falta de Mangala sobre Francisco Conceição.

Porém, o VAR interveio e o árbitro António Nobre, após ver as imagens, reverteu a decisão.

Seguidamente, deu-se a expulsão de Diogo Costa, guarda-redes do Porto, após derrubar Cassiano, fora da área, quando este ia em situação perigosa.

Com o FC Porto reduzido a 10 unidades, Sérgio Conceição tirou Galeno para colocar o guarda-redes suplente Cláudio Ramos.

Na sequência do livre directo, Cassiano marcou para o Estoril.

A partir desse momento, o jogo perdeu ritmo e o Estoril soube manter a vantagem.

Antes, Francisco Conceição também foi expulso no Porto, por levar a mão à cara de um adversário.

Por fim, o Estoril também ficou reduzido a 10 unidades, após expulsão de Vital, com vermelho directo.

Árbitro: António Nobre
Árbitros Assistentes: Paulo Brás e Nelson Pereira
4º Árbitro: Pedro Ramalho
VAR: Tiago Martins
AVAR: André Campos

Assistência: 4.578 espectadores

Disciplina: Cartão amarelo a João Mário (37), Zanocelo (45+5), Heriberto (56), Pepê (66), Nico González (76), Francisco Conceição (77, 89), João Marques (81), Marcelo Carné (81), Evanilson (88), Wagner Pina (89), Pepe (90+1), Otávio (90+1). Cartão Vermelho a Diogo Costa (65), Francisco Conceição (89), Bernardo Vital (90+2), Pepê (após o final do jogo).

Golos: Cassiano (69)

Fotografias: Diogo Nora

Siga-nos no Google News

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

31,799FãsCurtir
12,697SeguidoresSeguir
438SeguidoresSeguir
288InscritosInscrever