Goucha: “Não sei se me falta algum registo diferente, falta-me ser melhor”

Goucha: “Não sei se me falta algum registo diferente, falta-me ser melhor”, disse em entrevista à revista Caras.

Com 40 anos de carreira, Manuel Luís Goucha é um dos mais conceituados apresentadores em Portugal.

Assim, em entrevista à revista Caras, Goucha afirmou: “Não sei se me falta algum registo diferente, falta-me ser melhor. Sou muito insatisfeito. Sei o valor que tenho como apresentador, agora muito dedicado à conversa, mas tenho sempre a certeza de que podia fazer mais e melhor e é isso que me motiva a continuar”.

Durante muitos anos fiz as manhãs, nas quais as conversas são muito rápidas, e nos últimos quatro tenho estado à tarde com conversas de 50 minutos, uma hora, que é, de facto, algo que gosto muito de fazer. Aos 66 anos, ter finalmente um programa de conversas com tempo é um luxo em televisão. É o programa certo na fase da vida em que estou, sem dúvida”, acrescentou.

Preparo-me sempre para o programa do dia seguinte como se fosse uma estreia, é daí que vem a minha segurança e o segredo para o meu sucesso. Até porque se há qualidade que tenho é a de ser curioso. E Goucha credibilizou-me como entrevistador. Raramente alguém recusa lá ir, inclusivamente políticos. Situo-me no centro, já dei a cara pelo PSD, mas os meus convidados são de todos os quadrantes e não deixo de ser imparcial e colocar perguntas pertinentes”, rematou.

Leia também: Goucha e Rui Oliveira assinalam 25 anos de relação: “Prontos para descolar para outro tanto”

Siga-nos no Google News

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

31,799FãsCurtir
12,697SeguidoresSeguir
438SeguidoresSeguir
288InscritosInscrever