Segunda-feira, Junho 14, 2021

Médico do “bebé sem rosto” considera ecografia como “souvenir”

Médico do "bebé sem rosto" considera ecografia como "souvenir"

Médico do “bebé sem rosto” considera ecografia como “souvenir”, não lhe atribuindo valor documental.

A revista Sábado revelou pormenores da investigação ao médico do “bebé sem rosto”.

O Ministério Público arquivou processo, não ouvindo o médico.

O médico que em sua defenda, ao processo que a Ordem dos Médicos moveu para o expulsar, afirmou que as ecografias às grávidas podem ser apenas um “souvenir” ou uma “recordação”.

Referiu ainda que as imagens que se entregam aos pais são por “graça”, “gentileza” e razões “lúdicas-afetivas”, mas sem “qualquer preocupação de rigor ou precisão médica” e sem “valor documental”.

O relatório da Ordem dos Médicos arrasou o médico e acusa o de “negligência grosseira”, “má prática médica” e de ter cometido “erros indesculpáveis”.

O artigo completo da Sábado poder ser lido AQUI.

Redacçãohttp://www.infocul.pt
Redacção oficial do site infocul.pt

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

23,945FãsCurtir
154SeguidoresSeguir
95InscritosInscrever